Inflação

Economia Inflação na porta de fábrica tem a menor alta desde dezembro

Inflação na porta de fábrica tem a menor alta desde dezembro

Índice de Preços ao Produtor subiu 0,4% em setembro, com alta de 20 das 24 atividades pesquisadas, aponta IBGE

  • Economia | Do R7

IPP subiu em ritmo menor em setembro

IPP subiu em ritmo menor em setembro

Pixabay

O IPP (Índice de Preços ao Produtor), conhecido por simular a inflação "na porta de fábrica", subiu 0,4% em setembro. A taxa é o menor resultado desde dezembro e representa uma desaceleração em relação aos saltos do indicador nos últimos meses.

Os dados, apresentados nesta quarta-feira (27) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), apontam uma variação positiva de preços em 20 das 24 atividades pesquisadas. A alta acumulada no ano atingiu 24,08%, e em 12 meses chegou a 30,59%.

O IPP mede a evolução dos preços sem impostos e fretes e abrange informações por grandes categorias econômicas, tais como bens de capital, bens intermediários e bens de consumo (duráveis e semiduráveis e não duráveis).

As maiores influências na passagem de agosto para setembro partiram das indústrias extrativas (-1,24 ponto percentual), alimentos (+0,58 p.p.), outros produtos químicos (+0,39 p.p.) e refino de petróleo e produtos de álcool (+0,18 p.p.).

Últimas