Novo Coronavírus

Economia Lucro líquido da AstraZeneca quase triplica com o impulso da vacina

Lucro líquido da AstraZeneca quase triplica com o impulso da vacina

Laboratório anglo-sueco informou que, em 2020, registrou a entrada de US$ 3,1 bilhões (R$ 16,6 bilhões) livres no caixa

  • Economia | Da EFE

Farmacêutica teve lucro líquido 159% maior no ano passado, segundo balanço divulgado hoje

Farmacêutica teve lucro líquido 159% maior no ano passado, segundo balanço divulgado hoje

Dado Ruvic/Reuters - 11.1.2020

A farmacêutica anglo-sueca AstraZeneca, que desenvolveu uma das vacinas contra a covid-19, obteve um lucro líquido de US$ 3,1 bilhões (R$ 16,6 bilhões) em 2020, 159% mais que no ano anterior. Na prática, significa que a entrada de recursos já descontados os custos quase triplicou em relação a 2019.

Em comunicado enviado nesta quinta-feira (11) à Bolsa de Valores de Londres, a empresa afirmou que o seu lucro antes dos impostos ficou em US$ 3,9 bilhões de dólares (R$ 21 bilhões), um aumento de 152% em relação ao ano anterior.

A receita total em 2020 atingiu US$ 26,6 bilhões (R$ 142,8 bilhões), um aumento de 9,1% em relação a 2019, acrescentou a empresa, que destacou a significativa receita gerada pelo rápido desenvolvimento de novos medicamentos, bem como o avanço na produção da vacina contra a covid-19.

A farmacêutica indicou que está focada em adaptar a sua vacina contra a covid-19, desenvolvida em conjunto com a Universidade de Oxford, às novas variantes da doença, ao mesmo tempo que trabalha para reduzir o tempo necessário para a produção da vacina.

Mais números

O lucro operacional em 2020 atingiu US$ 5,1 bilhões, um aumento de 77% em relação a 2019.

A venda de produtos farmacêuticos atingiu no ano passado US$ 25,8 bilhões, 9,8% a mais que no período anterior, enquanto as receitas de colaborações atingiram US$ 727 milhões.

O CEO da AstraZeneca, Pascal Soriot, observou que os investimentos adicionais em novos medicamentos continuam a impulsionar o rápido desenvolvimento em oncologia, que aumentou 23% no ano passado em relação ao período anterior.

A farmacêutica avançou nos mercados emergentes, com um aumento anual de 7%, enquanto as receitas nos EUA aumentaram 13% e na Europa, 10%, segundo nota divulgada esta quinta-feira.

No sector da oncologia, a AstraZeneca obteve vendas anuais de US$ 4,3 bilhões do seu medicamento Tagrisso, enquanto as do Imfinzi atingiram US$ 2 bilhões.

Na área respiratória e imunológica, a receita farmacêutica caiu 1%, para US$ 5,3 bilhões, acrescentou a empresa.

A AstraZeneca lembrou o desenvolvimento de sua vacina contra covid-19 e sua aprovação por diferentes órgãos reguladores, enquanto a OMS (Organização Mundial da Saúde) a recomendou para maiores de 18 anos.

Além da vacina atual, a empresa indicou que iniciou os ensaios clínicos de fase 3 de outro imunizante, que conta com uma combinação de anticorpos para a prevenção e tratamento da covid-19.

Em dezembro de 2020, a AstraZeneca se comprometeu a entregar 170 milhões de doses da vacina para 190 países.

Últimas