Minério de ferro fecha estável com temor sobre vírus compensando otimismo com demanda

Por Enrico Dela Cruz

MANILA (Reuters) - Os futuros do minério de ferro na China fecharam estáveis após uma sessão volátil nesta quarta-feira, com esperanças de melhoria na demanda pelo material sendo compensado pela rápida disseminação do coronavírus.

O minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian devolveu ganhos iniciais e fechou sem mudanças, a 653,50 iuanes (94 dólares) por tonelada. Na bolsa de Cingapura, os futuros caíam 2,1% durante a tarde.

"Os preços seguem guiados pela especulação, uma vez que as pessoas esperam que a demanda na China se recupere após a epidemia ter sido colocada sob controle, mas acredito que ainda vai demorar algum tempo", disse um operador em Xangai.

"Fora da China, a situação é bastante séria", acrescentou.

Os fundamentos do mercado não são muito animadores, disse o operador, citando grandes estoques de produtos de aço que têm se acumulado. Embora a atividade econômica chinesa esteja gradualmente sendo retomada após ter parado por semanas pela epidemia, o setor de construção não deve retornar à normalidade antes de dois meses, afirmou.

O vergalhão de aço para construção na bolsa de Xangai fechou em alta de cerca de 1%.