Economia Ministério da Economia recomenda concessão de florestas no AM

Ministério da Economia recomenda concessão de florestas no AM

Medida engloba as florestas de Balata-Tufari, de Pau Rosa e de Jatuarana, no Amazonas, e ainda depende de aval do presidente 

  • Economia | Da Agência Brasil

Concessão de florestas no Amazonas ainda depende de aval do presidente Jair Bolsonaro

Concessão de florestas no Amazonas ainda depende de aval do presidente Jair Bolsonaro

Pixabay

O CPPI (Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos) do Ministério da Economia recomendou a qualificação no programa das florestas nacionais de Balata-Tufari, de Pau Rosa e de Jatuarana, localizadas no estado do Amazonas, para fins de concessão florestal. 

Leia mais: Bolsonaro promete impedir que estrangeiros comprem terra no país 

A resolução é do dia 2 de dezembro de 2020 e foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (21).

A medida ainda depende aval do presidente da República para ser aplicada. A publicação estabelece o Serviço Florestal Brasileiro, enquanto órgão gestor, como responsável por disciplinar e conduzir o processo de outorga da concessão florestal.

Segundo o texto, o conselho considera, entre outros pontos, a necessidade de conservar a cobertura vegetal das florestas brasileiras e a necessidade de gerenciar o patrimônio florestal brasileiro de forma a combater a grilagem de terras e evitar a exploração predatória dos recursos naturais existentes, evitando assim a conversão do uso do solo para outros fins.

Últimas