Montadoras eliminam 1,48 mil vagas de trabalho na passagem de junho para julho

A indústria automobilística voltou eliminar postos de trabalho no mês passado, que terminou com o setor ocupando 122,5 mil trabalhadores, 1,48 mil vagas a menos do que no fim de junho, segundo informação da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

O setor segue, assim, empregando menos gente do que um ano atrás.

Em julho de 2019, 128,7 mil pessoas trabalhavam em fábricas de veículos e de máquinas autopropulsadas, como tratores agrícolas e equipamentos de construção.

"Estamos enfrentando um novo patamar de mercado. Ajustes aconteceram neste mês e poderão acontecer nos próximos meses", disse o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, em entrevista coletiva virtual à imprensa.