Economia Moody's revisa ratings de bancos como Bradesco, BB, Santander, Itaú e Caixa

Moody's revisa ratings de bancos como Bradesco, BB, Santander, Itaú e Caixa

A Moodys anunciou, nesta sexta-feira, 11, a revisão dos ratings de 28 bancos brasileiros, entre eles Bradesco, Santander, Itaú Unibanco, BNDES, Caixa e Banco do Brasil. Quase todos tiveram as notas de depósito de longo prazo em moeda estrangeira elevadas. A exceção foi o ING Bank N.V (São Paulo), cuja classificação em divisa local foi rebaixada de "A3" para "Baa2".

Em comunicado, a agência informou que a decisão foi motivada por mudanças na metodologia para tetos em moedas estrangeira e local. "Os tetos por país indicam o nível de rating mais alto que geralmente pode ser atribuído às obrigações financeiramente mais fortes de emissores domiciliados em um país", explicou.

Confira a lista de ratings afetados:

Banco ABC Brasil S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Alfa de Investimento S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco BOCOM BBM S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba1 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

3) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Bradesco S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco BTG Pactual S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco BV

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Cetelem S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba1 de Ba3, perspectiva alterada para negativa de estável

2) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

3) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Citibank S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Baa3 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de depósito de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

3) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

4) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Daycoval S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco do Brasil S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco do Estado de Sergipe S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva alterada para negativa de estável

Banco do Estado do Para S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco do Nordeste do Brasil S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Ford S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva alterada para negativa de estável

Banco Mizuho do Brasil S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Baa3 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

3) Rating de depósito de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

4) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social- BNDES

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Psa Finance Brasil S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco RCI Brasil S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Safra S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Santander (Brasil) S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba1 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

3) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Santander (Brasil) S.A. - Cayman Br

1) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

2) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Banco Sofisa S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Banco Yamaha Motor Do Brasil S.A.

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba1 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa3 de Ba1

3) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-3 de Not Prime

Caixa Econômica Federal (Caixa)

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

ICBC do Brasil Banco Multiplo S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

ING Bank N.V. - São Paulo

1) Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Baa2 de Ba3, perspectiva permanece estável

2) Rating de depósito de longo prazo em moeda local e na escala global, rebaixado para Baa1 de A3, perspectiva permanece estável

3) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda estrangeira, elevado para Baa2 de Ba1

4) Rating de risco de contraparte de longo prazo em moeda local, rebaixado para Baa1 de A3

5) Avaliação de risco de contraparte de longo prazo, rebaixado para Baa1(cr) de A3(cr)

6) Rating de depósito de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-2 de Not Prime

7) Rating de risco de contraparte de curto prazo em moeda estrangeira na escala global, elevado para Prime-2 de Not Prime

Itaú Unibanco S.A.

Rating de depósito de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global, elevado para Ba2 de Ba3, perspectiva permanece estável

Itaú Unibanco S.A. (Cayman Islands)

Nota de longo prazo em moeda estrangeira e na escala global de depósito/ programa CD, elevado para (P)Ba2 de (P)Ba3

Ações de Perspectiva:

Banco Cetelem S.A

perspectiva alterada para Negativa, de Negativa(m)

Banco do Estado de Sergipe S.A.

Perspectiva alterada para Negativa, de Negativa(m)

Banco Ford S.A

Perspectiva alterada para Negativa, de Negativa(m)

Últimas