Economia Mutirão de empregos será online e vai oferecer 5 mil vagas no dia 28 

Mutirão de empregos será online e vai oferecer 5 mil vagas no dia 28 

Qualquer pessoa, de qualquer categoria profissional, poderá se candidatar às vagas e também aos cursos de qualificação profissional 

  • Economia | Do R7

Mutirão de empregos online terá 5 mil vagas

Mutirão de empregos online terá 5 mil vagas

Lidianne Andrade/MyPhoto Press/ Estadão Conteúdo - 21.08.2020

O mutirão do emprego, conhecido pelas filas no Vale do Anhangabaú, no centro de São Paulo, será realizado na próxima segunda-feira (28), e vai oferecer 5 mil vagas. Mas, por causa da pandemia, o atedimento será virtual.

Os candidatos vão poder se inscrever por meio do site do Sindicato dos Comerciários de São Paulo (www.comerciarios.org.br), a partir das 6h da segunda-feira (28). Clicando na aba mutirão, eles encontrarão um passo a passo para anexar o currículo e responder informações sobre suas habilidades e qualificações profissionais. 

Leia também: Desemprego na pandemia atinge o maior nível com 13,7 mi sem serviço

Outra novidade é a parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, que deverá disponibilizar uma plataforma online.

"Este ano só não terá fila embaixo do viaduto, vamos fazer fila virtual", afirma Ricardo Patah, presidente da UGT (União Geral dos Trabalhadores), que organiza o evento. Ele explica que será colocada à disposição das empresas que vão participar a estrutura do prédio do sindicato, para aquelas que preferirem fazer a avaliação presencial dos candidatos, mas com todo cuidado e com protocolo de segurança para evitar aglomeração.

Com 13,7 milhões de pessoas desempregadas no Brasil, segundo o IBGE, a expectativa é que o mutirão atraia milhares de candidatos. Qualquer pessoa, de qualquer categoria profissional, poderá se candidatar às vagas e também aos cursos de qualificação profissional que serão oferecidos.

Leia também: Pedidos para o seguro-desemprego têm redução de 18,7% em agosto

O evento é gratuito e conta com mais de 20 empresas, incluindo a capital e a Grande São Paulo. A estimativa é que o setor de supermercados ofereça o maior número de vagas, com salários de R$ 1.500 a R$ 2.200.  

No último mutirão, realizado em setembro do ano passado, mais de 65% das cerca de 10 mil vagas foram preenchidas, segundo o sindicato. Os eventos costumam ter mais candidatos do que vagas, mas não terminam com todos os postos preenchidos por falta de qualificação e outras questões.

"Neste ano vamos valorizar dois temas, a inclusão e a capacitação. Por isso, vamos trabalhar com o governo do Estado, por meio do Insituto Paula Souza, e com o Sistema S", explica Patah.

Últimas