Economia Produção agrícola supera R$ 470 bilhões e bate recorde em 2020

Produção agrícola supera R$ 470 bilhões e bate recorde em 2020

Colheita do ano passado resultou em faturamento 30,4% maior do que o apurado em 2019, aponta IBGE

  • Economia | Do R7

Brasil tem 83,4 milhões de hectares plantados

Brasil tem 83,4 milhões de hectares plantados

Paulo Whitaker/Reuters

O valor da produção agrícola do Brasil atingiu R$ 470,5 bilhões em 2020. O valor, 30,4% maior que o apurado no ano anterior, corresponde ao recorde da série histórica iniciada em 1974.

Trata-se também do maior aumento anual desde o salto de 34% na produção registrado em 2003, de acordo com dados divulgados nesta quarta-feira (22), pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O supervisor da pesquisa, Winicius de Lima Wagner, avalia que o aumento do valor da produção agrícola é em parte relacionado aos efeitos da pandemia do novo coronavírus no setor. “Esse resultado se deve a dois fatores distintos: o primeiro deles foi o recorde na produção de grãos; o segundo foi a elevação dos preços das culturas agrícolas, provocada, também, pela alta demanda durante a pandemia. Isso fez com que o setor fosse beneficiado em um ano marcado pela crise econômica, que afetou os demais setores”, analisa ele.

De acordo com a PAM (Produção Agrícola Municipal), a área plantada no Brasil totalizou 83,4 milhões de hectares, 2,7% superior a 2019. Os destaques ficaram por conta da produção de cereais, leguminosas e oleaginosas, que somaram 255,4 milhões de toneladas, número 5% maior que a colheita anterior.

Entre as culturas agrícolas que mais contribuíram para o recorde da safra 2020 aparece a soja, com produção de 121,8 milhões de toneladas, gerando R$ 169,1 bilhões, valor 35% superior ao da safra de 2019.

“Apesar do atraso na janela de plantio da soja, causado pela demora das chuvas no fim de 2019, o desempenho desse grão não foi prejudicado. Os fatores climáticos foram favoráveis em quase todo o país, com exceção do extremo sul, o que explica o aumento da produtividade da soja no país em 2020”, afirma Wagner.

A produção de milho cresceu 2,8% e também atingiu um novo recorde, chegando a 104 milhões de toneladas, que geraram R$ 73,949 bilhões, 55,4% a mais do que em 2019. Pela primeira vez desde 2008, o valor de produção do milho superou o da cana de açúcar (R$ 60,8 bilhões).

A safra de café teve forte recuperação frente a 2019, com alta de 54,4% no valor da produção (R$ 27,3 bilhões). Líder do ranking mundial, a produção brasileira de café cresceu 22,9% e somou 3,7 milhões de toneladas em 2020.

Últimas