Economia Relatora de caso Localiza/Unidas no Cade vota à favor da operação com restrições

Relatora de caso Localiza/Unidas no Cade vota à favor da operação com restrições

AUTOS-LOCALIZA-CADE:Relatora de caso Localiza/Unidas no Cade vota à favor da operação com restrições

Reuters - Economia

SÃO PAULO (Reuters) - A união entre a maior empresa de aluguel de veículos e gestão de frotas do país, Localiza, com a segunda maior do setor, Unidas, pode ser aprovada mediante cumprimento de cláusulas de restrições que incluem venda "significativa" de ativos na área de locação, afirmou nesta quarta-feira a relatora da transação no Tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

"Os remédios negociados são mais do que suficientes para se criar um concorrente efetivo neste mercado" após a transação, afirmou a relatora, Lenise Prado, em seu voto.

A Superintendência-Geral do Cade já havia recomendado no início de setembro a aprovação do negócio, com restrições. A Localiza anunciou há cerca de um ano atrás seus planos para comprar a Unidas por 12 bilhões de reais.

Por volta de 12h00, as ações da Localiza subiam 3,3% e de Unidas avançavam 4,8%, estando entre as maiores altas do índice, enquanto o Ibovespa caía 0,9%.

Últimas