Economia Tempo para desacelerar estímulos pode estar próximo, diz autoridade do BC britânico

Tempo para desacelerar estímulos pode estar próximo, diz autoridade do BC britânico

MACRO-BOE-ESTIMULO:Tempo para desacelerar estímulos pode estar próximo, diz autoridade do BC britânico

Reuters - Economia

Por David Milliken e William Schomberg

LONDRES (Reuters) - O banco central da Inglaterra pode interromper suas compras de títulos do governo mais cedo devido a um salto inesperado da inflação, informou a autoridade do banco central Michael Saunders, segunda do alto escalão a sinalizar em dois dias um possível controle do estímulo.

Depois que o vice-presidente Dave Ramsden disse na quarta-feira que o tempo para a ação pode estar se aproximando, Saunders afirmou nesta quinta-feira que as compras contínuas de títulos no final deste ano - quando a inflação poderá ultrapassar 3% - ameaçam consolidar as expectativas de inflação mais alta.

A inflação de preços ao consumidor na Inglaterra saltou para 2,5% em maio - bem acima da meta de 2% do banco central - e a criação de empregos em junho foi a mais forte desde o início da pandemia, impulsionando o crescimento dos salários ao maior patamar já registrado, embora com distorções relacionadas à situação causada pela Covid-19.

"Para mim, a questão de restringir nosso atual programa de compra de ativos mais cedo estará sob consideração em nossas próximas reuniões", disse Saunders em discurso.

O Banco da Inglaterra anunciará o resultado de sua próxima reunião de política monetária e publicar novas previsões em 5 de agosto.

Últimas