UE retoma investigação sobre acordo entre Boeing e Embraer; define novo prazo para 30/04

BRUXELAS (Reuters) - Reguladores antitruste da União Europeia retomaram uma investigação sobre o acordo da Boeing para comprar a divisão comercial da Embraer, de acordo com um documento divulgado no site da UE nesta quinta-feira.

O prazo de decisão da UE é agora 30 de abril. A investigação estava suspensa até 6 de janeiro.

No mês passado, os reguladores da UE que analisavam o acordo de 4,2 bilhões de dólares haviam solicitado mais de 1,5 milhão de páginas de informações e dados sobre mais de 20 anos de campanhas de vendas, o que a Boeing já forneceu.

(Reportagem de Marine Strauss)