Economia Usina Coruripe reverte prejuízo em 9 meses de 20/21 e prevê resultado recorde

Usina Coruripe reverte prejuízo em 9 meses de 20/21 e prevê resultado recorde

COMMODS-USINACORURIPE-RESULTS:Usina Coruripe reverte prejuízo em 9 meses de 20/21 e prevê resultado recorde

Reuters - Economia

SÃO PAULO (Reuters) - A produtora de açúcar e etanol Usina Coruripe registrou lucro líquido de 370,9 milhões de reais nos nove primeiros meses da temporada 2020/21, revertendo --com aposta em uma produção mais açucareira-- o prejuízo de 40,8 milhões visto no mesmo período do ano anterior, informou a companhia nesta segunda-feira.

Somente entre outubro e dezembro do ano passado, o terceiro trimestre da atual safra, o lucro líquido da empresa do grupo Tércio Wanderley somou 343 milhões de reais, aumento de 13,43% na comparação anual.

Com o desempenho, a Usina Coruripe já projeta obter um resultado recorde na safra 2020/21, que termina em 31 de março, conforme suas demonstrações contábeis. A expectativa é de um faturamento de cerca de 3 bilhões de reais, alta de 22,4% no ano a ano.

"A companhia tem registrado resultados expressivos e a previsão é continuar nessa trajetória", disse em nota o presidente da Usina Coruripe, Mario Lorencatto, destacando investimentos na renovação e expansão de canaviais e a modernização tecnológica.

Pelas previsões da companhia, o lucro líquido na safra 2020/21 inteira deve alcançar 295,9 milhões de reais, avanço de 220,4% ante 2019/20, enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi projetado em 1,1 bilhão de reais, crescimento de 15%.

A empresa aposta em uma maior produção de açúcar na atual temporada, em momento de bons preços e firme demanda pela commodity no mercado. Segundo a Coruripe, a produção do adoçante deve somar 22,8 milhões de sacas de 50 kg em 2020/21, alta de 12,6%.

Enquanto isso, a fabricação de etanol foi estimada em queda de 5,5%, a 477,8 milhões de litros.

"A melhoria robusta do Ebitda e dos demais resultados, acima das previsões, confirma que estamos caminhando para um fechamento de safra bastante expressivo", afirmou o diretor financeiro da empresa, Thierry Soret.

(Por Gabriel Araujo)

Últimas