Economia Venda de veículos sobe 4,8% em março, diz associação

Venda de veículos sobe 4,8% em março, diz associação

Segundo relatório da Anfavea, vendas estão quase 40% acima de 2017

Venda de veículos sobe 4,8% em março, diz associação de montadoras

Produção subiu mais de 20% em 2018

Produção subiu mais de 20% em 2018

Paulo Whitaker/Reuters - 05.01.2017

A produção brasileira de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus em abril ficou praticamente estável na comparação com março, com recuo de 0,5%, mas salto de 40,4% na comparação com abril de 2017.

Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (7) pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), o mercado vem sendo impulsonado em 2018 por avanços no mercado interno e nas exportações.

O volume produzido em abril somou 266,1 mil veículos, acumulando 965,9 mil nos quatro primeiros meses do ano, 20,7% a mais do que no primeiro quadrimestre de 2017.

As vendas avançaram 4,8% no mês passado sobre março, com 217,3 mil unidades vendidas. A quantidade é 38,5% superior na comparação com abril de 2017, segundo a Anfavea.

No acumulado dos quatro primeiros meses do ano, os licenciamentos subiram 21,3% em relação a 2017, para 762,9 mil veículos.

Já as exportações de veículos montados, considerando automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus subiram 19,5% na comparação com abril de 2017, para 73.152 unidades. Na comparação com março deste ano, as vendas externas unitárias subiram 8,4%, acumulando no primeiro quadrimestre expansão de 7,5% sobre o mesmo período do ano passado, a 253.359 unidades, informou a Anfavea.

Em valores, as vendas externas de autoveículos somaram 1,39 bilhão de dólares em abril, crescimento de 38% na comparação anual e expansão de 7,7% frente a março. No acumulado dos quatro primeiros meses do ano, as exportações de autoveículos somaram 4,6 bilhões de dólares, alta de 20,9% na comparação anual.

O setor terminou abril com estoque de 230,7 mil veículos novos, nível estável ante março e acima das 216,4 mil unidades de abril de 2017.

"Foi um bom resultado (as vendas internas de abril). Foi o melhor abril desde 2015... Mês a mês os resultados estão avançando", disse o presidente da Anfavea, Antonio Megale, a jornalistas, nesta segunda-feira. Segundo ele, apesar do movimento positivo, o setor ainda não voltou à média de vendas dos últimos 10 anos no primeiro quadrimestre, de 951 mil unidades.

A Anfavea manteve suas projeções para o ano, apesar dos números de vendas no acumulado dos quatro primeiros meses do ano estarem acima das estimativas da entidade para 2018. A Anfavea espera crescimento de vendas internas de 11,7% este ano, para 2,5 milhões de veículos. Na produção, a expectativa é de alta de 13,2%, para 3,05 milhões de unidades. Já para as exportações, a entidade espera crescimento de 5%, para 800 mil veículos.

    Access log