Vendas no varejo em setembro atingem maior patamar desde 2014

Mês registrou alta 6,4%, segundo dados do IBGE divulgados nesta terça

Vendas subiram também em comparação com agosto
Vendas subiram também em comparação com agosto Renato S. Cerqueira/Futura Press/Folhapress

A elevação de 6,4% nas vendas do comércio varejista em setembro ante setembro do ano anterior foi o melhor resultado desde abril de 2014, quando o volume vendido cresceu 6,7%, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Comércio divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

No varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e material de construção, o aumento de 9,3% no volume vendido em setembro foi o mais acentuado desde outubro de 2012, quando a alta havia sido de 14,5%.

As vendas do varejo subiram também 0,50% em setembro na comparação com agosto, na série com ajuste sazonal.

O resultado veio ligeiramente acima da mediana das estimativas dos analistas consultados pelo Projeções Broadcast, positiva em 0,40%, com base no intervalo que apontava desde uma queda de 0,50% a um avanço de 2,60%.

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 1,3% no ano e queda de 0,6% em 12 meses. No varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas subiram 1,00% em setembro ante agosto, na série com ajuste sazonal.

O resultado superou a mediana das estimativas, calculada em 0 85%, e ficou dentro do intervalo das previsões dos analistas ouvidos pelo Projeções Broadcast (avanço de 0,10% a 1,50%).

Na comparação com setembro de 2016, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado cresceram 9,3% em setembro de 2017. Nesse confronto, as projeções variavam de uma expansão de 3,40% a 10 1%, com mediana de 9%.

As vendas do comércio varejista ampliado acumularam alta de 2,7% no ano e redução de 0,1% em 12 meses.