Wall St recua por falta de novas notícias sobre negociações comerciais

Por Shreyashi Sanyal

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street caíam nesta quinta-feira, com investidores evitando fazer apostas mais arriscadas devido à falta de novos desenvolvimentos nas negociações comerciais entre Estados Unidos e China.

Os três principais índices abriram em alta, ampliando os ganhos da sessão anterior, mas perderam força na primeira hora de negociação.

"Não há notícias novas sobre a guerra comercial e (a queda dos índices) é principalmente por isso", disse Randy Frederick, vice-presidente de negociação e derivativos da Charles Schwab em Austin, Texas.

"Portanto, a menos que tenhamos uma história positiva ou negativa para empurrar o mercado de uma maneira ou de outra, (o mercado) pode negociar nesse intervalo por um tempo."

Sete dos 11 principais setores do S&P 500 tinham baixa, enquanto as ações de empresas de chips --sensíveis a tarifas-- obtiveram ganhos, com o índice Philadelphia de semicondutores em alta de 0,3%.

Às 12:41 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,1%, a 27.622 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,139426%, a 3.108 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,06%, a 8.561 pontos.