Economia Wall St tem forte queda após corte emergencial de juros pelo Fed elevar alerta sobre economia

Wall St tem forte queda após corte emergencial de juros pelo Fed elevar alerta sobre economia

Reuters

Por Medha Singh

NOVA YORK (Reuters) - As principais bolsas de valores de Wall Street tinham fortes quedas na volátil sessão desta terça-feira, após o corte surpreso de juros pelo Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) de 0,50 ponto percentual elevar o alerta sobre a magnitude do impacto do coronavírus na economia.

Foi o primeiro corte emergencial de juro pelo Fed desde a crise financeira de 2008, ressaltando o quão gravemente o banco central vê a rápida evolução da situação.

Inicialmente, as ações saltaram mais de 1%, mas depois caíram com operadores preocupados se a injeção de mais dinheiro nos mercados financeiros resolveria o problema central --uma queda na atividade de negócios à medida que trabalhadores e consumidores ficam em casa.

"A reação do mercado agora é negativa porque o Fed enviou a mensagem errada ao mercado", disse Peter Cardillo, economista-chefe de mercado da Spartan Capital Securities, em Nova York.

"De repente, o Fed está realmente preocupado com a economia, e é por isso que estamos tendo essa volatilidade."

Às 16:07 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 3,37%, a 25.802 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 2,515994%, a 3.012 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 3,64%, a 8.627 pontos.

Últimas