Educação Veja quais os Itinerários preferidos pelos alunos do ensino médio

Veja quais os Itinerários preferidos pelos alunos do ensino médio

Cinco das seis opções propostas aos estudantes da rede estadual devem fazer parte 2ª série do ensino médio a partir de 2022

Itinerários formativos lideram preferência nas escolas estaduais em São Paulo

Itinerários formativos lideram preferência nas escolas estaduais em São Paulo

Reprodução / Freepik

Escolas de ensino médio da rede estadual confirmam as definições dos itinerários formativos que serão oferecidos na 2ª série, a partir de 2022. 

Cinco das seis opções propostas aos estudantes aparecem no topo da relação de mais de 3,7 mil unidades escolares dos períodos diurno e noturno. 

As áreas do conhecimento em Linguagens e Ciências Humanas (Cultura em movimento: diferentes formas de narrar a experiência humana), liderou nas escolhas em 2.970 escolas (80,3%). Já Matemática e Ciências da Natureza (Meu papel no Desenvolvimento Sustentável), ocupou a segunda posição em 2.658 unidades (71,8%).

Linguagens e Ciências da Natureza (Corpo, saúde e linguagens), Matemática e Ciências Humanas (Ciências Humanas, Arte, Matemática #quem divide multiplica) e Linguagens e Matemática (Start! Hora do desafio!) completaram a lista com as cinco primeiras áreas escolhidas.

O currículo do ensino médio de São Paulo apresenta 11 possibilidades de aprofundamento curricular, sendo dez de áreas do conhecimento e uma de formação técnica. Cada escola deveria optar por, no mínimo, dois aprofundamentos curriculares que contemplassem as quatro áreas do conhecimento (Linguagens, Matemática, Ciências Humanas e Ciências da Natureza).

Participação ativa

Em julho, mais de 376 mil estudantes da 1ª série do ensino médio da rede pública estadual (89% do público-alvo) apontaram, via Secretaria Escolar Digital, os itinerários formativos mais atrativos, conforme interesse individual. Quatro delas nas áreas de conhecimento e seis opções integradas entre elas.

Além dessas, quatro opções de qualificação através do Novotec Expresso, que permite aprofundamento curricular em uma área do conhecimento e dois certificados profissionalizantes, também será possível que o estudante saia com um diploma de curso técnico e com o do ensino médio, sem aumentar a carga horária nos cursos de: Administração, Marketing, Logística, Recursos Humanos, Comércio, Finanças, Contabilidade, Desenvolvimento de Sistemas, Informática para Internet, Serviços Jurídicos, Serviços Públicos, Guia de Turismo, Design Gráfico, Design de Interiores, Eventos, Nutrição e Dietética, Eletrônica, Eletrotécnica, Química, Análises Clínicas e Farmácia.

O Ensino Médio de São Paulo começou a ser implementado em 2021 para todos os 460 mil estudantes da 1ª série da rede de ensino pública estadual. A proposta curricular aproxima o estudante das transformações da sociedade, da universidade e do mercado de trabalho, permitindo adquirir todos os conhecimentos básicos e ainda escolher as áreas de mais interesse para aprofundar e ampliar os estudos, sem precisar ficar mais tempo na escola.

Últimas