Ciro não confirma apoio a Haddad, mas já descarta Bolsonaro

Em sua primeira entrevista o ex-governador Ciro Gomes, que ficou em 3º lugar, se esquiva sobre apoio no 2º turno, mas diz: “ele não sem dúvida”

Ciro Gomes descarta apoio a Jair Bolsonaro (PSL) no segundo tunro

Ciro Gomes descarta apoio a Jair Bolsonaro (PSL) no segundo tunro

Charles Sholl/Raw Image/Folhapress - 03.10.2018

O candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) falou pela primeira vez depois do resultado que colocou Jair Bolsonaro (PSD) e Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições 2018. Cir, que ficou em terceiro lugar com com 13.077.653, já adiantou que não apoiará Bolsonaro.

"Eu costumo decidir as coisas meio assim, né? Quero anunciar por mim, que meu espirito é continuar fazendo que fiz uma vida inteira que é lutar pela democracia. Mas ele não sem dúvida", afirmou o candidato do pedetista.

O candidato do PDT afirmou que encerrou o primeiro turno da eleição presidencial com sentimento de “profunda gratidão ao povo brasileiro”. "Estou agradecido especialmente ao Ceará que é o estado que me conhece de perto, dos meus defeitos e da minha humanidade, e me deu uma vitória extraordinária", finalizou.

Ciro Gomes, ex-governador do Ceará, ficou superou o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckimin (PSDB) e João Amôedo (Novo).