Eleições 2020 Arthur do Val exalta militância em último ato de campanha na Paulista

Arthur do Val exalta militância em último ato de campanha na Paulista

Candidato provocou adversários, sobretudo Bruno Covas e Guilherme Boulos, que tinham apoiadores fazendo campanha no mesmo local

Agência Estado
O candidato Arthur do Val faz caminhada pela Avenida Paulista

O candidato Arthur do Val faz caminhada pela Avenida Paulista

ROBERTO SUNGI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO


Sexto colocado nas pesquisas de intenção de voto para prefeito de São Paulo, Arthur do Val (Patriota) encerrou sua campanha neste sábado com uma passeata ao lado de militantes na Avenida Paulista.

Leia também: Confira as principais notícias sobre as Eleições 2020 em todo o Brasil

Durante o ato, o candidato provocou adversários, sobretudo Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL), que tinham apoiadores fazendo campanha no mesmo local, e exaltou seus militantes.

"Tentaram fazer de tudo para que a gente não aparecesse", afirmou Arthur do Val, criticando o cancelamento de debates e os institutos de pesquisa. "Não tem como ignorar isso aqui. Não tem fundo eleitoral que pague isso aqui".

Apoiadores de Arthur, em sua maioria jovens do sexo masculino, puxavam o coro "Eu vim de graça", em crítica a candidaturas que contratam distribuidores de material de campanha. A maioria dos apoiadores usava máscara, mas o distanciamento social não aconteceu.

Ao longo da campanha, Arthur do Val tentou se mostrar diferente dos outros candidatos por não usar dinheiro público - Filipe Sabará, que teve sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral em meio a um conflito com o Novo, também não usava recursos públicos.

Últimas