Eleições 2020 Chuva altera rotina da campanha eleitoral em SP nesta sexta-feira (9)

Chuva altera rotina da campanha eleitoral em SP nesta sexta-feira (9)

Candidatos à prefeitura da capital paulista cancelaram eventos em razão da chuva que atingiu a cidade. Algumas entrevistas e lives foram mantidas

  • Eleições 2020 | Cesar Sacheto, do R7

Forte chuva que caiu sobre SP alterou a agenda de alguns candidatos

Forte chuva que caiu sobre SP alterou a agenda de alguns candidatos

RONALDO SILVA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 9.10.2020

As fortes chuvas que atingiram a cidade de São Paulo desde a madrugada desta sexta-feira (9) provocaram o cancelamento de parte da agenda dos concorrentes ao cargo de prefeito da capital estadual nas eleições deste ano. Alguns políticos optaram por reuniões e encontros virtuais.

Leia também: Propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV começa nesta sexta

A campanha eleitoral começou oficialmente no dia 27 de setembro e o R7 tem divulgado os compromissos de campanha de todos os 14 concorrentes à administração municipal paulistana. O critério definido para apresentação foi a ordem alfabética.

Andrea Matarazzo (PSD)

O candidato do PSD, Andrea Matarazzo, conversou com moradores, representantes do comércio e do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) do Bom Retiro, na região central, bairro que reúne um dos mais importantes polos de comércio varejista de confecção do país.

Andrea Matarazzo esteve na região do Brás

Andrea Matarazzo esteve na região do Brás

Divulgação

No encontro, o candidato afirmou que, depois da pandemia, a região precisa de ajuda do poder público para retomar as vendas. Ele também prometeu criar um programa de recuperção da economia da cidade.

"O comércio fechou e a prefeitura continuou cobrando taxas e impostos, o que agravou a situação dos lojistas e muitos fecharam as portas definitivamente. O Bom Retiro, um dos principais geradores de emprego e renda da cidade, vai fazer parte do meu programa de recuperação da economia, com isenção de taxas por um ano e parcelamento do IPTU", declarou Maratazzo.

Antonio Carlos Silva (PCO)

O candidato do PCO, Antonio Carlos Silva, fez pela manhã panfletagem em estações do Metrô no Tatuapé, zona leste, além de gravar entrevistas para sites.

Depois, teve reunião com trabalhadores do transporte coletivo, no centro, e encontro com a cordenação de campanha.

Arthur do Val (Patriota)

O candidato à prefeito pelo Patriota, Arthur do Val Mamãe Falei, foi entrevistado pelo jornal Folha de S. Paulo. Depois, gravou programas, mas teve que cancelar a  panfletagem que faria na avenida Paulista. Mais tarde, gravou entrevista na TV Gazeta.

Bruno Covas (PSDB)

O candidato do PSDB à reeleição, Bruno Covas, visitiou as obras para a construção de 216 unidades do Conjunto Habitacional Viela da Paz, no Morumbi, na zona sul da capital paulista, onde destacou que a prefeitura criou o maior programa habitacional da história da cidade.

Segundo o prefeito, até dezembro de 2021, serão realizados 369 atendimentos habitacionais. Além desses, outros 539 já foram concluídos. Mais 383 novas unidades habitacionais ainda irão iniciar, totalizando 1.291 atendimentos. O investimento total é de R$ 159 milhões.

Leia também: Advogados alertam que disparo em massa ameaça democracia e a lei

“Criamos o maior programa habitacional da história da cidade, 25 mil moradias serão entregues até o final de 2020 e o primeiro conjunto habitacional destinado, exclusivamente, para moradores de rua está pronto”, declarou Bruno Covas.

Mais tarde, Bruno Covas se encontrou com o arcebispo de São Paulo, cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, acompanhado do candidato a vice, Ricardo Nunes, na Cúria Metropolitana.

Celso Russomanno (Republicanos)

O candidato do Republicanos, Celso Russomanno, foi entrevistado na rádio Trianon.

Filipe Sabará (Novo)

O candidato do Novo, Filipe Sabará, concedeu entrevista para a Rádio Bandeirantes. A panfletagem no Largo 13 de Maio, em Santo Amaro, na zona sul, que ocorreria à tarde, foi suspensa devido às chuvas.

Guilherme Boulos (PSOL)

O candidato do PSOL, Guilherme Boulos, lançou nesta sexta-feira (9) o programa de assistência Renda Solidária que pretende implementar na cidade, caso vença o pleito. O eventou foi realizado no Teatro Folias, situado no centro da cidade.

"Para mim, é o principal programa que vamos apresentar na cidade de São Paulo. [Serão] R$ 200 a R$ 400 reais para um milhão de famílias da cidade de São Paulo. As pessoas que estão na extrema pobreza, na vulnerabilidade, no desemprego. Com isso, a gente vai assegurar que essas pessoas tenham condições de sobrevivência digna", declarou.

Mais tarde, Boulos respondeu a perguntas de internautas em uma live, fez uma roda de conversa com mulheres periféricas trabalhadoras no Jardim Helian e visitou a comunidade do Vietnã, na Vila Santa Catarina.

Jilmar Tatto (PT)

O candidato do PT, Jilmar Tatto, cumpriu agenda de campanha ao lado do governador Wellington Dias e de outras lideranças políticas.

Ele participou de um café da manhã em Santo Amaro, na zona sul. Na sequência, fez caminhada com apoiadores. Depois, se encontrou com os candidatos à Prefeitura de Diadema, José de Filippi, e de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho.

Em carreata, mas com os veículos fechados, o grupo seguiu para o limite entre as cidades com o objetivo de realizar um ato político. Na Câmara Municipal de São Paulo, participa de uma homenagem ao Dia do Nordestino.

Joice Hasselmann (PSL)

A candidata do PSL à prefeitura, Joice Hasselmann, visitou o Mercado Municipal e a Rua 25 de Março. Depois, foi entrevistada pelo BR Político e gravou com a TV Globo. Mais tarde, fez outra reunião com dirigentes do partido e participou de sabatina na TV Gazeta.

Levy Fidelix (PRTB)

O candidato do PRTB, Levy Fidelix, participou de uma live com vereadores e influenciadores e teve reunião com empresários. O político disse que, caso seja eleito, pretende investir em ensino à distância e buscar parcerias com a iniciativa privada para aumentar as vagas em escolas nos bairros da cidade.

"Nós vamos estabelecer um critério, locar no bairro que você mora vagas nas escolas privadas. Vamos colocar em ata pública e dizer [que] pagamos x por aluno. E as escolas privadas vão fazer comigo uma PPP [para] que possam absorver esse aluno sobrante e [que] não fique sem aula ou que vá para outro bairro. O que traz muito inconveniente para os pais", declarou.

Levy Fidelix participou de live com candidatos a vereador pelo PRTB

Levy Fidelix participou de live com candidatos a vereador pelo PRTB

Reprodução/Redes Sociais

Levy Fidelix também fez uma declaração na qual se posiciona de forma contrária à adoção de programas de renda solidária para a população paulistana.

"Com relação à renda minima, o governo federal está vendo o Renda Brasil. Sempre fui a favor do salário mínimo integral com a obrigatoriedade das pessoas trabalharem. E eu com a responsabilidade que tenho como prefeito, farei auditoria da prefeitura, vendo a dívida, superávit e o que a prefeitura possui de caixa", comentou".

Márcio França (PSB)

O candidato do PSB, Márcio França, cancelou a agenda de imprensa que teria na zona norte da cidade, na manhã desta sexta-feira (9), devido à forte chuva que atingiu a capital.

Ele e a esposa, a educadora Lúcia França, foram até a região e esperam que a chuva diminuísse para conversar com comerciantes locais, duramente afetados pela atual pandemia.

Como a zona norte, a exemplo de todas as demais regiões, tem estado de alerta para alagamentos nesta manhã, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), a agenda foi cancelada por prudência e cuidado com os profissionais de imprensa.

Marina Helou (Rede)

A candidata pela Rede Sustentabilidade, Marina Helou, gravou vídeos de campanha a partir das 9h. Depois, concedeu entrevista e participou de sabatina online da FGV, USP e UNICAMP. Mais tarde, esteve em evento da OAB sobre os 30 anos do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Orlando Silva (PCdoB)

O candidato do PCdoB, Orlando Silva, dialogou sobre cultura, educação e enfrentamento ao racismo com Leci Brandão, sambista e deputada estadual, e Adriana Vasconcellos, educadora e candidata a vereadora pelo PCdoB.

Orlando Silva particiou de reunião com a deputada estadual Leci Brandão (à esq)

Orlando Silva particiou de reunião com a deputada estadual Leci Brandão (à esq)

Divulgação/Jennifer Glass

Após reuniões internas e gravação de material de campanha, o candidato a prefeito realizou a live “Papo Preto” com Pedro Borges, da agência Alma Preta.

Vera Lúcia (PSTU)

A candidata do PSTU, Vera Lúcia, gravou vídeos e fez reunião com a coordenação de campanha. À noite, participou de uma live com bancários.

A política criticou o início da propaganda eleitoral no rádio e na televisão sem a participação do PSTU.

"O PSTU não aparecerá porque esta vetado. E  os eleitores excluídos de conhecer nosso programa socialista e revolucionário para a cidade de São Paulo, através desses canais. Não temos ilusões na democracia dos ricos. Apesar disso, defendemos a mais ampla liberdade para que as organizações da classe operária pudessem apresentar seu programa", declarou Vera Lúcia.

*O R7 divulga diariamente as notícias sobre o dia de campanha dos postulantes ao cargo de prefeito da capital paulista. O espaço no portal está aberto a todos os candidatos.

Veja o currículo dos candidatos à Prefeitura de São Paulo:

Últimas