Eleições 2020 Eleições em Macapá têm seis urnas substituídas até o início da tarde

Eleições em Macapá têm seis urnas substituídas até o início da tarde

Votação na capital do Amapá ocorre com 21 dias de atraso por causa dos problemas no fornecimento de eletricidade verificados em novembro

Urnas foram abertas em Macapá às 7h

Urnas foram abertas em Macapá às 7h

TRE-AP / Divulgação

O TRE-AP (Tribunal Regional Eleitoral do Amapá) divulgou às 13h40 deste domingo (6) as seis seções em Macapá onde foi necessário trocar as urnas por problemas no funcionamento.

A capital do Amapá realiza neste domingo, com 21 dias de atraso, o primeiro turno da eleição municipal em função da sequência de apagões que deixou a maior parte do Estado com pouca energia elétrica por 22 dias.

Candidatos à Prefeitura de Macapá votam nesta manhã

No último boletim do TSE, de 11h39, eram apenas três urnas substituídas. 

De acordo com o TRE, tiveram que buscar urna reserva seis escolas estaduais que estão servindo para a eleição deste ano: Prof. Zolito Nunes (seção 225), Dom Aristides Pirovano (277), Lauro de Carvalho Chaves (771), Sebastiana Leni (634), Dr. Alexandre Vaz Tavares (65) e Risalva Freitas do Amaral (319).

Apuração

Em entrevista nesta tarde à imprensa local, o juiz Eleitoral Augusto Leite afirmou que a eleição corre com tranquilidade e o maior problema verificado foi a falta de alguns mesários escalados para a eleição. Essa, segundo ele, foi a razão das filas observadas logo no início da votação.

O magistrado também declarou que espera uma apuração rápida logo após o fechamento das urnas, às 17h. “Como será um volume de dados bem menor, com apenas a eleição em Macapá sendo apurada, acreditamos que não haverá motivos para atraso, a menos que ocorra algo inesperado”, concluiu o juiz do pleno Augusto Leite, do TRE-AP.

Últimas