Eleições 2020 Saiba como se prevenir do novo coronavírus na hora de votar

Saiba como se prevenir do novo coronavírus na hora de votar

Uso de máscara de proteção é obrigatório por eleitores e mesários e há recomendação para eleitores levarem a própria caneta de casa 

Título de eleitor, máscara de proteção e álcool gel

Título de eleitor, máscara de proteção e álcool gel

Eliane Neves / Fotoarena / Folhapress

A máscara de proteção é item obrigatório aos eleitores que irão às urnas neste domingo (29), dia de segundo turno das Eleições Municipais 2020, para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Leia também: Barroso diz que milícias digitais são versão atual do autoritarismo

Não é permitido comer, beber ou fazer qualquer atividade que exija a retirada da máscara.

Entre as formas de prevenção contra covid-19 durante a votaçao está também a recomendação aos eleitores de levarem a própria caneta para reduzir a chance de contágio na seção eleitoral. Antes e depois do registro do voto na urna, será possível higienizar as mãos com álcool gel, que será disponibilizado aos eleitores em todas as seções. 

Veja também: Eleições 2020: 6,3 mil mulheres recebem um ou zero voto na eleição

Cartazes de orientação sobre as medidas serão afixados nas zonas eleitorais.

Os eleitores devem manter a distância mínima de um metro entre si e também dos mesários. A Justiça Eleitoral sugere que o eleitor não vá aos locais de votação com crianças ou outros acompanhantes.

Leia também: Vereadores negros são 6% do total de eleitos; brancos são 53%

Os mesários terão álcool gel para uso individual e também receberão viseiras plásticas. Eles serão orientados a descartar na lixeira os produtos usados ao chegarem em casa. As máscaras devem ser trocadas a cada quatro horas, de acordo com orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e do Ministério da Saúde.

Grupos de risco

As pessoas em grupos de risco para covid, assim como os idosos, contam com horário preferencial de votação, de 7h às 10h. Nenhum outro eleitor será proibido de votar nesse horário. A recomendação, no entanto, é que, se possível, compareçam entre 10h e 17h. 

Veja também: PGR vai investigar campanha de desinformação contra TSE

Eleitores ou mesários com febre ou que tenham testado positivo para a covid-19 nos 14 dias antes da eleição devem permanecer em casa. É possível justificar a falta por esse motivo. Os mesários precisam comunicar imediatamente à sua zona eleitoral, para que um substituto seja convocado.

Últimas