Eleições 2020 SP: Candidatos citam ataques de adversários em agenda eleitoral

SP: Candidatos citam ataques de adversários em agenda eleitoral

Acirramento da campanha eleitoral na capital paulista provoca comentários de concorrentes à prefeitura em agenda pública nesta terça-feira (3)

Candidatos em agenda a duas semanas das eleições

Candidatos em agenda a duas semanas das eleições

Montagem/R7

Os candidatos à Prefeitura de São Paulo citaram ataques de adversários e "inexperiência política" de concorrentes durante a agenda pública desta terça-feira (3), entre outros temas. As eleições municipais serão realizadas no dia 15 de novembro e o segundo turno de votações está  marcado para o dia 29 do mesmo mês.

Leia também: Eleitor tem até esta quinta (5) para solicitar a segunda via do título

A campanha eleitoral começou oficialmente no dia 27 de setembro e o R7 tem divulgado os compromissos de campanha de todos os 14 concorrentes à administração municipal paulistana. O critério definido para apresentação foi a ordem alfabética.

Andrea Matarazzo (PSD)

O candidato do PSD, Andrea Matarazzo, visitou o Parque São Lourenço, em São Mateus, na zona leste, durante a manhã, onde disse que pretende replicar para outros bairros da periferia um modelo de distrito industrial próximo a residências.

Na década de 1980, o distrito obteve zoneamento com a possibilidade de instalação indústrias. Localizadas próximo aos prédios residenciais presentes no bairro, o Parque São Lourenço é, na visão de Matarazzo, um bem-sucedido exemplo de como é possível que os empregos estejam perto da moradia dos paulistanos.

Leia também: Eleições de 2020 tiveram aumento de 60 mil registros de candidatura

"Este modelo nós temos que levar para outros lugares para a cidade, zona sul, zona norte e mais na zona leste, com o objetivo de trazer a pequena e a média indústria aqui para estes lugares, para perto de onde as pessoas moram, evitando, assim, grandes deslocamentos", declarou.

Matarazzo tem destacado durante sua campanha a importância de levar empregos às periferias da cidade, já que a maioria deles está concentrado no centro expandido de São Paulo, obrigando milhares de cidadãos a trabalharem distantes de suas moradias.

O candidato explicou que isso é possível através da regularização fundiária, ou seja, uma nova legislação de zoneamento que poderáliberar a instalação de indústrias nos bairros. Também mencionou a criação de incentivos fiscais, para atrair as indústrias e evitar que elas saiam da capital. "São Lourenço desmistifica a história de que São Paulo não tem vocação industrial, finalizou Matarazzo.

Mais tarde, o candidato seguiu para visita a comerciantes na avenida Cruzeiro do Sul no trecho da região central, concedeu entrevista, via Zoom, para a TV Globo.

Depois, Andrea Matarazzo teve reunião interna com a militância e foi entrevistado pelo programa São Paulo Não Pode Parar.

Antônio Carlos Silva (PCO)

O candidato do PCO, Antônio Carlos Silva, fez às 6h panfletagem na estação Lapa, na zona oeste. Depois, ele visitou moradores do bairro da Saúde, na zona sul, e fez nova panfletagem no Metrô Praça da Árvore.

Arthur do Val (Patriota)

O candidato a prefeito pelo Patriota, Arthur do Val Mamãe Falei, fez palestra com o presidente da Associação Comercial de São Paulo. À tarde, ele gravou vídeos de campanha.

Bruno Covas (PSDB)

O candidato do PSDB à reeleição, Bruno Covas, visitou a reforma da UBS Chácara Santa Maria e a implantação do serviço de saúde bucal no Jardim Guarujá, na zona sul da cidade.

No encontro, o prefeito reforçou que não irá alterar sua estratégia de campanha em razão de ataques de adversários durante a campanha eleitoral.

Covas disse  que não vai retrucar ataques de adversários

Covas disse que não vai retrucar ataques de adversários

Divulgação/Patrícia Cruz

"Nossa campanha mantém a estratégia adotada desde o início. Vamos continuar a falar de São Paulo. Como temos muita coisa a mostrar, não precisamos perder tempo atacando os outros. A população está muito mais preocupada sobre como está a sua UBS e a vaga em creche”, declarou.

O prefeito e candidato à reeleição também reafirmou a propósito de sua gestão em retomar o projeto de construção do Parque Minhocão, na região central da cidade.

"Nossa perspectiva é tirar do papel a proposta do Parque Minhocão. Tivemos um ano de discussão porque o projeto ficou parado no Judiciário, porém o que queremos é oferecer mais um espaço de lazer, um espaço verde para a população, disse Bruno Covas.

O candidato ainda ressaltou a importância das obras de requalificação das unidades de saúde, viabilizadas a partir de um empréstimo de R$ 1 bilhão obtido pela Prefeitura de São Paulo junto ao BID (Banco Interamericano de
Desenvolvimento).

O prefeito afirmou que 180 unidades de saúde municipais serão reformadas, ainda neste ano ou no início de 2021. "Aqui na reforma da UBS da Chácara Santa Maria investimos cerca de R$ 600 mil. Agora nós temos aqui duas unidades de saúde bucal, um serviço fundamental para os moradores dessa região", complementou Bruno Covas.

O candidato tucano também gravou entrevista para a rádio Jovem Pan, participou de live sobre inclusão e acessibilidade, além de uma videoconferência com a Associação de Clubes Esportivos e Sócio Culturais de São Paulo.

Celso Russomanno (Republicanos)

O candidato do Republicanos, Celso Russomanno, teve  encontro com lideranças da zona leste da cidade no Jardim Colorado. à tarde, ele participou de evento, via Zoom, com o Secovi (Sindicato da Habitação) para apresentação de propostas do setor.

Filipe Sabará (Novo)

O candidato do Novo, Filipe Sabará, não tem agenda desde que o pedido de candidatura foi indeferido.

Guilherme Boulos (PSOL)

O candidato do PSOL, Guilherme Boulos, foi entrevistado pela rádio Massa FM e fez caravana no Brás, na região central da cidade, onde destacou o objetivo de gerar renda e trabalho a lojistas e pequenos comerciantes com o apoio da Prefeitura de São Paulo.

"Temos feito esse diálogo com os comerciantes para que possmoas pensar em um plano pós-pandemia para ajudar. A mesma coisa com os trabalhoadores do comércio informal. O nosso projeto é constrtuir para a região do Brás, e para as zonas de comércio popular em São Paulo, grupso de trabalho. Sentar na mesma mesa com comerciants, trabalhadores e ambulantes", declarou.

Depois, Boulos esteve no Largo de Santa Cecília, no centro. À noite, o candidato participou de uma caravana na Bela Vista e Parque do Bixiga, além de um encontro no Vira Voto no restaurante Al Janiah.

Jilmar Tatto (PT)

O candidato do PT, Jilmar Tatto, visitou a obra da Sugoy, no Jardim Iguatemi, e fez carreata na região do Jardim Lapenna, ambos na zona leste.

À tarde, ele teve encontro com o vereador Suplicy e fez carreata na Brasilândia, zona norte da cidade.

Joice Hasselmann (PSL)

A candidata do PSL à prefeitura, Joice Hasselmann, teve reunião com a equipe da campanha e gravou material para o horário eleitoral durante a manhã.

À tarde, Joicei foi entrevistada pela rádio Bandeirantes e participou de live com Ivan Sayeg, candidato à vice na chapa.

Levy Fidelix (PRTB)

O candidato do PRTB, Levy Fidelix, teve o dia voltado para despachos internos sobre as campanhas à prefeitura e de vereadores em São Paulo.

Márcio França (PSB)

O candidato do PSB, Márcio França, se reuniu com trabalhadores do setor da alimentação no Sindicato das Cozinheiras Escolares, na Vila Mariana, zona sul.

Durante o evento, o político disse que a cidade precisa de um prefeito com  mais experiência administrativa e questionou alguns de seus concorrentes deveriam ter passado por alguma função pública antes de se candidatarem.

França criticou inexperiência de adversários

França criticou inexperiência de adversários

Divulgação/Fernanda Luz

França lembrou que uma das ações sem planejamento e que se tornou desastrosa foi a implantação de um muro de vidro na USP.

Márcio França também disse estar preocupado com a demissão de 7 mil trabalhadoras cozinheiras durante a pandemia do novo coronavírus e reforçou o papel fundamental do gestor público em lidar com obstáculos.

"Você vê no olhar das pessoas uma certa angústia. Eu não vejo um movimento político de preparação para o ano que vem", declarou o candidato.

França também participou de sabatina virtual promovida pelo Grupo Folha e concedeu entrevista ao vivo no estúdio da TV Gazeta.

Marina Helou (Rede)

A candidata a prefeita pela Rede Sustentabilidade, Marina Helou, foi entrevistada pela rádio Eldorado e visitou a cooperativa Sempre Verde com a candidata professora Jacqueline, no Jardim Itacolomi.

Mais tarde, Marina concedeu entrevista para a rádio Trianon e às 21h30 participou do programa na COM Brasil.

Orlando Silva (PCdoB)

O candidato do PCdoB, Orlando Silva, registrou um boletim de ocorrência no 26º DP (Sacomã) com denúncia de racismo sofrido durante a campanha nas redes sociais.

Orlando Silva registrou B.O. por racismo

Orlando Silva registrou B.O. por racismo

Divulgação/Jennifer Glass

Segundo o candidato, um homem utiliza termos como “se não caga na entrada” e manda o candidato “voltar pra suas origens” em comentário feito no dia 29 de outubro.

À tarde, Orlando Silva foi sabatinado pelo Estadão e teve encontro com a UNE/UBES para a entrega da Plataforma Eleitoral das Entidades Estudantis 2020, na República, centro de São Paulo.

Vera Lúcia (PSTU)

A candidata do PSTU, Vera Lúcia, gravou vídeos de campanha e participou do Quadro Fundo do Baú. voltou a comentar sobre o decreto de Covas para retorno às aulas presenciais a partir de hoje.

Vera Lúicia criticou o retorno presencial às escolas na pandemia em SP

Vera Lúicia criticou o retorno presencial às escolas na pandemia em SP

Divulgação/Tácito Yuri Dutra Chimato

“Isso é um absurdo! As escolas só devem reabrir na cidade de São Paulo após a aplicação da vacina para a Covid-19. Os nossos alunos só vão para escola quando tiver teste em massa, quando tiver vacina, quando os nossos professores, quando os nossos alunos, e as suas famílias estiverem em segurança. Porque um ano letivo a gente pode recuperar, mas a gente não pode recuperar uma vida perdida. E nós já temos milhares de mortes, nós não podemos fazer isso", disse a candidata.

*O R7 divulga diariamente as notícias sobre o dia de campanha dos postulantes ao cargo de prefeito da capital paulista. O espaço no portal está aberto a todos os candidatos.

Veja o currículo dos candidatos à Prefeitura de São Paulo:

Últimas