Eleições 2020 SP: Covas, 37%; Boulos, 17%; França, 14%; Russomanno, 13%, diz pesquisa

SP: Covas, 37%; Boulos, 17%; França, 14%; Russomanno, 13%, diz pesquisa

Os dados, divulgados neste sábado (14), são do Datafolha. Arthur do Val - Mamãe Falei (Patriota) tem 6%, assim como Jilmar Tatto (PT)

Bruno Covas tem 37% dos votos para Prefeitura de SP

Bruno Covas tem 37% dos votos para Prefeitura de SP

Governo do Estado de São Paulo - 28.10.2020

O atual prefeito e candidato à reeleição para a Prefeitura de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), lidera 37% das intenções de votos válidos. Em seguida, está Guilherme Boulos (PSOL), com 17%; Márcio França (PSB), com 14% e Celso Russomanno (Republicanos), com 13%.

Os dados são da pesquisa Datafolha, divulgada neste sábado (14), um dia antes do pleito municipal de 2020.

Leia mais: Seis capitais devem definir prefeito no domingo e 20 sinalizam 2º turno

O levantamento simulado mostra que Arthur do Val - Mamãe Falei (Patriota) tem 6%, assim como Jilmar Tatto (PT). Joice Hasselmann (PSL) tem 3%, e Andrea Matarazzo (PSD), 2%. Empatados com 1%, estão Marina Helou (Rede), Vera Lúcia (PSTU) e Orlando Silva (PCdoB). Levy Fidelix (PRTB) e Antônio Carlos Silva (PCO) tiveram menos de 1%.

A pesquisa também mostra as intenções de voto por pesquisa espontânea, quando o eleitor diz em quem vai votar. Covas também lidera nesse aspecto, com 23%. Em segundo lugar está Boulos, com 14%, França, com 8%, e Russomanno, 6%. Depois, aparece Mamãe Falei, com 4%, e Tatto, 3%. Matarazzo e Hasselmann, 1% cada. Branco ou nulo são 8% e não sabem, 25%.

Veja também: Rio: Datafolha aponta Paes com 40% e Crivella com 18% de votos válidos

Segundo turno
O Datafolha questionou os eleitores sobre o segundo turno para a Prefeitura de São Paulo.

Bruno Covas x Guilherme Boulos
O tucano leva a disputa com 57% das intenções de voto, contra 30% do líder do MTST. Não sabem, 2%. Branco ou nulo, 12%.

Bruno Covas x Márcio França
O atual prefeito também leva a disputa nesse cenário, com 51% das intenções de voto, contra 36% do ex-vice-governador do Estado paulista. Não sabem, 2%. Branco ou nulo, 11%.

Bruno Covas x Celso Russomanno
Covas ganha o segundo turno contra Russomanno em São Paulo com 63% das intenções de voto, contra 21% do deputado federal. Não sabem, 2%. Branco ou nulo, 14%.

Veja também: Eleições 2020: veja as entrevistas de candidatos à Prefeitura de SP

Decisão do Voto
O instituto questionou, ainda, o grau de decisão do voto. 72% responderam que estão totalmente decididos e 27% que ainda podem mudar. Veja em relação a cada candidato:
- Covas: 73% estão totalmente decididos; 26% ainda podem mudar o voto;
- Russomanno: 58% estão totalmente decididos; 41% ainda podem mudar;
- Boulos: 84% estão totalmente decididos; 16% ainda podem mudar;
- Tatto: 71% estão totalmente decididos; 27% ainda podem mudar;
- França: 66% estão totalmente decididos; 33% ainda podem mudar.

Rejeição
A pesquisa também questionou os entrevistados em quem não votariam de jeito nenhum. Os resultados são: Celso Russomanno (50%), Joice Hasselmann (33%), Bruno Covas (25%), Jilmar Tatto (25%), Guilherme Boulos (24%), Levy Fidelix (23%), Orlando Silva (18%), Márcio França (17%), Arthur do Val (17%), Vera Lúcia (14%), Andrea Matarazzo (13%), Marina Helou (12%) e Antônio Carlos (11%). Rejeita todos, 3%. Rejeita nenhum, 2%. Não sabem, 4%.

Confira: Quase 100 mil urnas são distribuídas em locais de votação em SP

Pesquisa
O levantamento foi encomendado pela TV Globo e pelo jornal Folha de S. Paulo. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 2.987 eleitores na cidade de São Paulo com 16 anos ou mais, nos dias 13 e 14 de novembro, e está registrada na Justiça Eleitoral com o número SP-01587/2020. O nível de confiança é de 95%.

Últimas