Hora 7 Chocante: ursa polar é resgatada repleta de tiros e faminta em área remota do Ártico

Chocante: ursa polar é resgatada repleta de tiros e faminta em área remota do Ártico

Animal de três anos  foi encontrado no norte da Rússia e precisou ser levado para Moscou, para receber cuidados de especialistas

Resumindo a Notícia

  • Uma ursa foi achada repleta de tiros nas costas e patas traseiras
  • Além disso, estava faminto, com menos de um terço do peso ideal
  • Os moradores locais chamaram o resgate
  • Veterinários foram chamados e fizeram os primeiros socorros no local
A ursa não conseguia se mover direito.

A ursa não conseguia se mover direito.

Reprodução/TheSiberianTimes/ViaDailyMail

Uma ursa polar de três anos foi encontrada com vários tiros no corpo e morrendo de fome em um lugar remoto da Sibéria, região gélida da Rússia. A fêmea estava praticamente imóvel e deitada no chão por causa da dor extrema.

O animal, achado na ilha Dickson, foi resgatado por veterinários que buscavam salvar sua vida. Os profissionais não sabem quando a ursa polar foi atingida, mas afirmam que as balas eram de chumbo caseiro e acertaram as costas e patas traseiras do animal.

Também não é possível saber quem atirou no urso — é possível que sejam moradores locais ou caçadores ilegais. Por isso, uma investigação foi iniciada após o animal ser levado para Moscou.

"Foram os moradores de Dikson que nos contaram sobre a ursa polar ferida. O animal foi encontrado próximo ao povoado", explicou Svetlana Radionova, chefe do órgão ambiental da Rússia, em entrevista ao jornal Siberian Times.

Os moradores do local chamaram as autoridades para o resgate.

Os moradores do local chamaram as autoridades para o resgate.

Reprodução/TheSiberianTimes/ViaDailyMail

No vídeo feito durante o resgate, é mostrado que o animal foi sedado e teve os primeiros socorros realizados no local. Depois, a ursa foi colocada em uma jaula para a viagem até a capital da Rússia, onde os veterinários buscam salvar a vida do animal.

Apesar de estar estressada e tentando sair da jaula, a ursa precisava ser levada para um lugar onde tivesse o auxílio para sobreviver.

A ursa foi levada para Moscou.

A ursa foi levada para Moscou.

Reprodução/TheSiberianTimes/ViaDailyMail

"Os especialistas do Zoológico de Moscou estão lutando pela vida do animal raro. É difícil prever o resultado", afirmou Radionova. A ursa, que deveria pesar 200 ou 300 kg, foi encontrada pesando 60 kg.

CONFIRA TAMBÉM ABAIXO: Fotógrafo flagra ursos polares que 'moram' em estação abandonada

Últimas