Conhecimento Cientifico Ácido nítrico, o que é? Definição, composição, funções e características

Ácido nítrico, o que é? Definição, composição, funções e características

O ácido nítrico é um composto oxidante, corrosivo, incolor e inodoro utilizado na produção de explosivos e na fabricação de combustível. Essa matéria Ácido nítrico, o que é? Definição, composição, funções e características foi criada pelo site Conhecimento Científico.

O ácido nítrico é um composto químico de teor viscoso, incolor e inodoro, além de ser corrosivo e bastante volátil. Sua fórmula é HNO3.

Após o ácido sulfúrico, é o segundo mais produzido e utilizado pela indústria. Ele pode reagir de três formas: como ácido forte, agente de nitração ou como agente oxidante.

Nesse sentido, seus principais usos se dão em produtos de limpeza (na indústria agroalimentar), em tintas, selantes de superfície, espumas de proteção; em reações químicas de nitração, na separação de elementos e em muitas outras funções.

Conheça abaixo mais características do ácido nítrico, suas variações e funções.

Formação e características

O grau de ionização do ácido nítrico é de 92%, sendo um ácido forte. A partir de então, ele reage com produtos alcalinos e óxidos, formando nitratos (sais).

Ácido nítrico: composição, funções e características

Ácido nítrico: composição, funções e características

Conhecimento Científico
Thought Co

Além disso, ele oxida produtos como a anilina e o álcool furfúrico, sendo utilizado como parte da composição dos combustíveis para foguetes.

Por sua vez, e conforme dito anteriormente, ele também tem reações de nitração com hidrocarbonetos, configurando uma nitração comum, ou com álcoois, provocando uma esterificação.

Essa reação permite a fabricação de explosivos como o TNT e a nitroglicerina (presente na dinamite). Desse modo, a criação do ácido nítrico, na indústria, ocorre com a amônia (NH3) e, em laboratório, com outros dois componentes que reagem entre si: o ácido sulfúrico (H2SO4) e o nitrato de sódio (NaNo3).

Anteriormente, sua criação ocorria a partir dessa reação em laboratório. Todavia, hoje em dia existem outros processos mais utilizados. 

Um deles consiste na oxidação catalítica da amônia, que se funde ao oxigênio (do ar ou puro e aquecido) em contato com platina ou com óxido de ferro para criar o ácido. Esse método é conhecido pela descoberta do químico Wilhelm Ostwald.

O segundo processo produz o composto a partir da combinação do azoto do ar no arco elétrico com oxigênio, produzindo óxidos de azoto.

Importância do ácido nítrico

Vale destacar, contudo, que essa produção é bastante poluidora, liberando gases que produzem chuva ácida e, portanto, intensificam o efeito estufa. Isso se dá a partir da liberação do composto por veículos com motor à explosão.

Ácido nítrico: composição, funções e características

Ácido nítrico: composição, funções e características

Conhecimento Científico
Milenio

De maneira idêntica, ele pode ser formado durante fortes chuvas acompanhadas de relâmpagos, em ambientes sem poluição.

Outra função que merece ser destacada é a sua fácil decomposição pela exposição à luz, ficando com a cor vermelha. Ademais, o ácido nítrico deve ser manuseado com cuidado, pois tem efeito corrosivo e pode causar queimaduras e manchas na pele.

Além do seu uso para a fabricação de explosivos, ele também pode ser usado na produção de fertilizantes agrícolas, de corantes, fibras sintéticas como o náilon e na criação da pólvora negra.

E aí, o que achou do texto? Se gostou, leia também sobre Funções Químicas.

Fontes: Infoescola, Mundo Educação, Infopedia, Yara Brasil

Imagens: Thought Co, Mel Science, Milenio.

Essa matéria Ácido nítrico, o que é? Definição, composição, funções e características foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Últimas