Conhecimento Cientifico Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

O Complexo de Golgi é uma organela, presente nas células eucarióticas, com várias funções. Sendo assim, é muito importante para o corpo. Essa matéria Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções foi criada pelo site Conhecimento Científico.

O complexo de Golgi, também conhecido como Aparelho de Golgi ou Complexo Golgiense, é uma estrutura que executa um papel importante para os seres vivos, com diversas funções na célula eucarionte.

O seu nome é oriundo da sua descoberta, realizada pelo citologista Camillo Golgi, em 1898. O mesmo realizava pesquisas em relação ao sistema nervoso quando descobriu o Complexo de Golgi.

Primeiramente, foi chamado de aparelho reticular interno. Além disso, outros estudiosos da época duvidaram da presença da organela, alegando ser apenas ilusão de ótica. Entretanto, através de um microscópio, o cientista provou a existência da organela, em 1954, e o nome mudou para complexo de Golgi.

Além da descoberta, o citologista foi contemplado o Prêmio Nobel de pesquisas direcionadas para o sistema nervoso. Juntamente com ele, o especialista Santiago Ramón Y Cajal também foi premiado.

Características

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Conhecimento Científico
Face cis e face trans

O Aparelho de Golgi é formado por estruturas denominadas dictiossomos.

Em relação à sua aparência, o Complexo de Golgi é formado por vários discos membranosos achatados e empilhados, ou seja, por um conjunto de vesículas em células eucarióticas, que podemos denominar como cisternas.

Bem como, tais vesículas possuem laterais dilatadas e parecem estar amontoadas como se fossem pilhas. A quantidade comum de vesículas presentes no Aparelho de Golgi, geralmente, é entre quatro e seis cisternas. Entretanto, há casos em que alguns organismos possuem até 60.

A característica principal é ter uma estrutura polarizada, ou seja, dividida em face cis e a face trans.

A face cis tem como característica a formação, sendo a porta de entrada no complexo. Sua superfície é convexa e próxima ao reticulo. Além de que ela é responsável por receber as vesículas do retículo endoplasmático que fundem e soltam o seu conteúdo.

Já a parte da face trans possui uma estrutura côncava, caracterizada pela maturação. Dessa forma, as vesículas geradas nesta face são de transição ou transferência, ou seja, saem do complexo.

Enquanto a trans tem ligação direta com o Retículo Endoplasmático Liso (REL), a cis está ligada com o Retículo Endoplasmático Rugoso (RER). Além disso, as vesículas encontradas entre as duas faces do Complexo de Golgi são denominadas cisternas medianas.

Funções do Complexo de Golgi

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Conhecimento Científico
O Complexo de Golgi possui várias funções

A princípio, as funções principais do Complexo de Golgi são armazenar, exportar e alterar proteínas e ainda originar acrossomos e lisossomos dos espermatozoides.

Como visto anteriormente, o Retículo Endoplasmático possui proteínas que sofrem adição de um açúcar na face cis. Já na face trans, muitas enzimas são originados através das proteínas que são enviadas para o lado de fora da célula.

Nesse interim, o Complexo de Golgi também é responsável por formar o acrossomo da cabeça do espermatozoide, que é oriundo da fusão de lisossomos. Sua função é auxiliar passagem para a membrana do óvulo. Além disso, o Complexo Golgiense tem a função de formar a parede celular.

Em suma, o Aparelho de Golgi envia substâncias do retículo endoplasmático, faz a glicosilação, sintetiza as células e contribui para o processamento de lipídios e proteínas.

Importância

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções

Conhecimento Científico
Fonte: InfoEscola

Caso o Complexo de Golgi não funcione corretamente, pode acarretar em diversas doenças, pois afeta diretamente o sistema dos corpos dos seres vivos.

Bem como, a doença de Wilson, a distrofia muscular de Duchenne e a Síndrome de Aarskog. Além disso, devido a falta de proteína, o organismo fica mais sensível e tem maior risco de contrair infecções.

Logo, para um bom funcionamento do corpo é necessário que o Aparelho de Golgi esteja funcionando normalmente.

Gostou? Então leia agora Vacúolos, o que são? Definição, características, função e principais tipos 

Fontes: Educa Mais Brasil, Toda Matéria, Brasil Escola e Mundo Educação

Imagens: Mundo Educação, R7, Patologia na Web, Guia Estudo e InfoEscola.

Essa matéria Complexo de Golgi, o que é? Definição, estrutura e funções foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Últimas