Conhecimento Cientifico Funções oxigenadas, o que são? Definição, tipos e para que servem

Funções oxigenadas, o que são? Definição, tipos e para que servem

As funções oxigenadas pertencem ao estudo da Química Orgânica e estão sempre presentes no nosso dia a dia, como a acetona e o vinagre. Essa matéria Funções oxigenadas, o que são? Definição, tipos e para que servem foi criada pelo site Conhecimento Científico.

As funções oxigenadas são compostos orgânicos que contém átomos de carbono e hidrogênio, além de possuírem moléculas de oxigênio. Elas pertencem a um mesmo grupo por possuírem propriedades químicas em comum, fazendo parte do estudo das funções orgânicas.

Elas podem ser classificadas em sete grupos: álcoois, fenóis, enóis, aldeídos, cetonas, ácido carboxílico, éster e éter. Lendo esses nomes é muito provável que você não reconheça. Porém, muitos alimentos e produtos importantes do nosso dia a dia estão incorporados nesses componentes, tal qual a gasolina e o gengibre.

Para saber mais, confira abaixo quais são e para que servem cada uma das funções oxigenadas.

Conceito de hidroxila, carbonila e carboxila

Antes de estudar literalmente o que são cada um dos grupos, é preciso saber o significado de alguns outros componentes dessas substâncias e que, em suma, são determinantes para a conservação de suas propriedades.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
A vanilina é o aldeído presente na essência de baunilha, que é encontrada em bolos e doces.

A hidroxila é o grupo funcional formado por um átomo de hidrogênio e um de oxigênio. Por sua vez, a carbonila é constituída de um átomo de carbono e um de oxigênio, unidos por uma ligação dupla, enquanto a carboxila conta com tudo isso e também está ligada a uma hidroxila.

Se você ainda não entendeu, é só acompanhar abaixo a descrição de cada um dos grupos e suas representações.

Funções oxigenadas: Álcoois

A primeira das funções oxigenadas a serem estudadas são os Álcoois. Eles são formados por um ou mais grupos hidroxila (-OH) ligados a carbonos que se unem apenas através de ligações simples, denominados carbonos saturados.

Os álcoois são divididos de acordo com sua quantidade de hidroxilas ou de grupos álcoois. Sendo assim, uma hidroxila caracteriza um monoálcool; duas hidroxilas compõem um diálcool, já três ou mais formam o poliálcool.

Uma outra classificação pode ser feita de acordo com o tipo e quantidade de carbonos presentes na ligação, sendo primários aqueles ligados a apenas um átomo de carbono; secundário quando se ligam a dois átomos ou terciário quando se ligam a três.

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Conhecimento Científico
Fórmulas de alguns tipos de álcoois.

Sendo assim, podemos citar como exemplo mais comum usado em nosso cotidiano o álcool etílico (etanol), utilizado no combustível e em bebidas alcoólicas, e o álcool metílico (metanol), utilizado como solvente em reações químicas, limpeza e esterilização.

Lembrando que os colesteróis e carboidratos também fazem parte dessa função.

Funções oxigenadas: Aldeídos

Os aldeídos são compostos por uma carbonila (C=O) no fim da cadeia carbônica, localizados na ponta da estrutura molecular, e ligados a um hidrogênio na outra.

No cotidiano, podemos citar como principais exemplos dessa função oxigenada o metanal (formaldeído), etanal (acetaldeído), propanal (propionaldeído) e a vanilina.

Eles são usados em medicamentos, desinfetantes e perfumes. Sua terminação é sempre com o sufixo al.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
Os desinfetantes são compostos por aldeídos.

Funções oxigenadas: Ésteres

Se assemelha a um outro grupo de funções oxigenadas, os ácidos carboxílicos. A única diferença é que os ésteres contam com um radical carbônico, enquanto os ácidos possuem hidrogênio.

Eles são compostos por uma carbonila ao centro, substituída por uma cadeia carbônica de um lado e um átomo de oxigênio ligado a outra cadeia do lado oposto. Por outro lado, essa função oxigenada só pode ser dissolvida em álcool, éter e clorofórmio.

Os ésteres são substâncias aromatizantes que conferem sabor e cheiro a alimentos como doces, sucos e balas.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
O aroma presente nos doces é causado pela adição de ésteres

Cetonas

O próximo grupo de funções oxigenadas a ser estudado são as cetonas. Esse componente é formado por átomos de carbono unidos em uma ligação dupla com oxigênio, ou seja, uma carbonila.

Nesse sentido, as cetonas podem ser simétricas, quando os radicais são idênticos e, portanto, formam uma cetona simples, ou diferentes, formando uma cetona mista ou assimétrica.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
A propanona está presente na acetona, produto responsável por remover o esmalte das unhas.

Essa função oxigenada, provavelmente, é a mais fácil de reconhecer no dia a dia. Por analogia, logo você deve ter lembrado do removedor de esmalte das unhas, a acetona. Sua denominação científica é propanona e ela também está presente em solventes de tintas e vernizes.

Éteres

Aqui, um átomo de oxigênio fica localizado entre duas cadeias de carbono, no meio de uma ligação. Da mesma forma que as cetonas, eles podem ser simétricos quando as cadeias de ligação são iguais, ou assimétricos, quando as duas forem diferentes.

Igualmente, os éteres são usados como solventes ou na extração de substâncias de produtos naturais.

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Conhecimento Científico
Os éteres, entre outras funções, são utilizados como solventes

Fenóis

São compostos por grupos hidroxila (OH) ligados a um anel aromático, o que os difere dos álcoois comuns.

Eles se dissolvem em álcool e éter, podendo ser classificados conforme a quantidade de ligações ao anel benzênico: monofenol contém apenas uma hidroxila, difenol possui duas e polifenol a partir de três.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
Os fenóis são compostos por grupos hidroxila (OH) ligados a um anel aromático.

Assim sendo, são usados na fabricação de explosivos, antissépticos, bactericidas e creolina.

Ácidos Carboxílicos

Por fim, o último grupo das funções oxigenadas é composto pelos ácidos carboxílicos. Conforme o nome, eles possuem uma característica ácida, sendo conhecidos como oxiácidos.

São formados por carboxila, que quase sempre contam com um cheiro desagradável. Sua classificação pode ser alifática, quando a cadeia é aberta, ou aromática, quando possui anel aromático.

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Funções oxigenadas: quais são e para que servem

Conhecimento Científico
O ácido cítrico está presente em frutas, como a laranja

Por outro lado, eles são divididos conforme seu número de carboxilas: monocarboxílico quando possuem uma só, dicarboxílico quando são duas e tricarboxílico, três.

São encontrados no vinagre, na forma de ácido etanoico, nas frutas, com ácido ascórbico e até na transpiração. De igual forma, são empregados em reações laboratoriais.

Curiosidades sobre as funções oxigenadas

Os aldeídos com menores massas possuem cheiro forte, característica essa que vai diminuindo conforme o aumento da cadeia carbônica; Os éteres comuns ou etóxietano eram utilizados em cirurgias, como anestésicos. Entretanto, deixaram de ser empregados após a constatação de toxicidade. Os éteres são conhecidos por serem altamente inflamáveis e possuírem cheiro forte. Semelhantemente, os fenóis são corrosivos e tóxicos. Os fenóis podem ser encontrados também em diversos vegetais, como a carqueja (carquejol), o gengibre ([6] gingerol) e o orégano (timol); A vanilina, presente na essência de baunilha, é um aldeído extraído de uma orquídea e muito utilizado em bolos, sorvetes e doces.

Gostou de saber um pouco mais sobre as funções oxigenadas e como elas fazem parte do nosso cotidiano? Então, aproveite para ler mais sobre Química Orgânica.

Fontes: Todo Estudo, Toda Materia, Mundo Educação, Mundo Educação, Quero Bolsa, Manual da Quimica

Imagens: VixO Mundo da Quimica, Viva Decora, Estadão, Guiame, Limerpak, Aprendendo Química online, Notícias do Minuto, Livup,

Essa matéria Funções oxigenadas, o que são? Definição, tipos e para que servem foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Últimas