Mouros, quem eram? Origem e presença na Europa

Mouros eram os muçulmanos que vinham do Oriente Médio e da África para a Europa, com presença na Península Ibérica, a partir do século VIII. Essa matéria Mouros, quem eram? Origem e presença na Europa foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Mouros eram os povos que habitavam a Península Ibérica durante o período entre o século VIII ao século XV. O nome mouro é uma invenção cristã e servia para se referir às pessoas de pele escura e de religião muçulmana.

O termo teve origem no latim e seu uso se relaciona à maneira encontrada para descrever os povos berberes e outros povos que habitavam a Mauritânia, uma província romana existente onde hoje é o norte da África.

Todavia, os mouros eram aniquilados pelos europeus até o século IX, quando poupados, eram utilizados no trabalho escravo. Também foram responsáveis por movimentar a economia europeia e eram grandes agricultores.

Origem dos mouros

O termo maurus teve origem no latim e foi usado inicialmente para distinguir os berberes e povos da Mauritânia, uma antiga província do Império Romano onde hoje atualmente é o norte da África.

Ao longo dos anos, o termo foi sendo cada vez mais usado como forma de referência aos muçulmanos que habitavam a Europa. Nesse sentido, já durante o Renascimento, o termo mouro era usado para designar qualquer pessoa de pele escura.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
Os mouros permaneceram na Europa até o século XV.

A história dos mouros, entretanto, remonta ao ano 711 d.C., quando os muçulmanos oriundos do Norte da África tomaram a Península Ibérica. Liderados pelo general berbere Tariq ibn-Ziyad, os mouros tomaram o território ibérico conhecido como Al-Andalus, transformado em um próspero centro cultural e econômico.

Todavia, com a queda do estado muçulmano e a perseguição frequente dos cristãos, estes povos acabaram sendo expulsos pelos cristãos. Nesse sentido, em 1492, os reis católicos Fernando II e Isabel I se sagraram vitoriosos na Guerra de Granada, devolvendo a Península Ibérica aos europeus.

Presença na Europa

A presença deste povo na Espanha e em Portugal aconteceu a partir do século VIII. Somente na Espanha, os mouros ficaram por oito séculos, sendo que o último reino muçulmano teve fim em 1492, após a vitória dos reis espanhóis na Guerra de Granada.

Posteriormente, os mouros passaram por um século de perseguição cristã. Nesse período, os mouros eram obrigados a se converter ao cristianismo e os não convertidos eram obrigados a deixar o país. Todavia, os muçulmanos que se encontravam na Espanha foram expulsos de forma definitiva em 1609 e todos seus descendentes ficariam conhecidos como mouriscos.

Mouros, quem eram? Origem e presença na Europa

Mouros, quem eram? Origem e presença na Europa

Conhecimento Científico
Castelo dos Mouros, construção na cidade portuguesa de Sintra.

Estes povos tiveram influência direta na construção cultural e em outros aspectos. Em Portugal, por exemplo, além da influência no idioma, os mouros deixaram seu legado na arquitetura e na decoração.

Na capital portuguesa, Lisboa, a mouraria é o nome do bairro habitado pelos mouros e a influência muçulmana é encontrada na culinária portuguesa e até mesmo no fado, ritmo musical português com a maneira de cantar dos mouros.

Então, o que achou da matéria? Se gostou, leia também: Ramadã, o que é? Origem da celebração e práticas religiosas.

Fontes: Infoescola, Toda Matéria, National Geographic, Britannica Escola

Imagens: Aventuras na História, Histórias de Portugal em Marrocos, Structurae

Essa matéria Mouros, quem eram? Origem e presença na Europa foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Últimas