Conhecimento Cientifico Verbo transitivo – O que é, quais as regras e importância do estudo

Verbo transitivo – O que é, quais as regras e importância do estudo

Verbo transitivo é aquele que não necessita de complemento, com ou sem preposição, para ser entendido pelo leitor dentro de uma oração. Essa matéria Verbo transitivo – O que é, quais as regras e importância do estudo foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Sabemos que a Língua Portuguesa é um dos idiomas mais importantes do mundo, cheio de nuances e diferentes formas de fala e escrita. Prova disso é o desafio que os próprios brasileiros têm em dominar assuntos fundamentais como, por exemplo, o emprego dos verbos, sejam eles transitivos ou intransitivos.

Mas você sabe o que são os verbos transitivos e para que eles servem? Esse é um assunto de fundamental importância para qualquer estudante, seja do Ensino Fundamental, Médio e mesmo de cursos superiores.

Assim sendo, acompanhe nesse artigo tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

O que são?

Os verbos transitivos são aqueles que não necessitam de um complemento para terem sentido em sua aplicação.

Afinal, para que a ação verbal faça sentido na estrutura da oração, é preciso que o verbo tenha um termo posterior que funcione como um complemento e transmita aquilo que a expressão textual deseja.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
Verbo transitivo é aquele que precisa de complemento para fazer sentido em uma frase

Antes de tudo, para entender o que são e para que servem os verbos transitivos, todavia, é necessário entender a estrutura básica de uma frase, que é geralmente composta por duas partes principais: o sujeito e o predicado.

Primeiramente, o sujeito é o termo sobre quem ou o que se fala em uma oração. Tomamos como exemplo a frase João foi a padaria. Nesse caso, fala-se sobre alguém na frase, um sujeito denominado como João. Dessa forma, esse é o sujeito da oração.

Por outro lado, qual seria o predicado? O predicado é tudo aquilo que não faz parte do sujeito, formado por verbo e complemento. No exemplo acima, temos como predicado o termo foi a padaria.

Toda essa explicação facilita o processo de aprendizagem, uma vez que não é possível entender o que é o verbo e quais suas funções quando não se compreende a estrutura da frase por completo.

Sendo assim, verbos como comprar, gostar, usar e oferecer são exemplos de verbos transitivos, que podem ser classificados ainda em diretos e/ou indiretos.

Verbos transitivos diretos (VTD)

Verbos transitivos diretos ou VTD são aqueles que exigem o complemento sem o uso obrigatório da preposição. Preste atenção no exemplo Marcela ama futebol. Em seguida, para saber se o verbo do exemplo é transitivo basta fazer a seguinte pergunta: O que Marcela (sujeito) ama? Futebol!

Dessa forma, futebol é o verbo transitivo do verbo amar e como não há elemento de ligação, ou seja, uma preposição que ligue os dois termos podemos considerar que esse é um verbo transitivo direto.

Verbo transitivo: O que é, quais as regras e importância do estudo

Verbo transitivo: O que é, quais as regras e importância do estudo

Conhecimento Científico
Os verbos fazer e comprar são exemplos de verbos transitivos diretos

Um outro exemplo: Ontem visitei minha avó. As principais perguntas que devem ser respondidas ao se deparar com uma oração são o que e quem. Quem, isto é, o sujeito eu, nesse caso é oculto, ou seja, não está explícito na frase.

Por sua vez, o que é a ação que o sujeito realiza. Nesse caso, eu (sujeito oculto) visitei minha avó. O verbo visitar exige um complemento (visitar quem?) sem o intermédio de uma preposição. Portanto, visitar é um exemplo de verbo transitivo direto.

Confira abaixo outros exemplos:

André fez o almoço Quem? André; O que? Fez o almoço. Quem faz, faz algo ou alguma coisa. Sendo assim, ele fez o almoço. A professora comprou livros novos Quem? A professora; O que? Comprou livros usados. Quem compra, compra alguma coisa. Nesse sentido, ela comprou livros novos.

Verbos transitivos indiretos

Os verbos transitivos indiretos são aqueles que exigem uma complementação que seja ligada por preposição. Precisar, por exemplo, exige a preposição de, já que quem precisa, precisa de algo, alguém ou alguma coisa.

Na frase Ele precisa do seu apoio, o sujeito ele é seguido do verbo transitivo indireto precisa e, em seguida, do complemento indireto do seu apoio.

No segundo exemplo, Nós gostamos de pizza, podemos fazer a seguinte afirmação: quem gosta, gosta de alguma coisa ou de alguém. Dessa forma, o sujeito nós é precedido de gostamos, que por sua vez exige o complemento de pizza, formado por preposição mais substantivo.

Verbo transitivo: O que é, quais as regras e importância do estudo

Verbo transitivo: O que é, quais as regras e importância do estudo

Conhecimento Científico
Gostar de pizza é um exemplo com verbo transitivo direto, já que exige a preposição de

Confira abaixo alguns exemplos:

Necessito de férias – Quem necessita, necessita de algo ou de alguém. Ela sabe dos seus segredos – Quem sabe, sabe de algo ou de alguma coisa.

Verbos transitivos diretos e indiretos (VTDI)

Além dos dois tipos mencionados acima, o verbo ainda pode exigir dois complementos diferentes: um com e outro sem complemento. Eles são denominados como verbos transitivos diretos e indiretos ou simplesmente VTDI.

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico

Conhecimento Científico
Os verbos podem ser transitivos, quando pedem complemento, ou intransitivos, quando por si só possuem sentido completo

Na oração O RH comunicou hoje o desligamento do servidor, o sujeito O RH realizou a ação de comunicar. Desse modo, quem comunicou, comunicou alguma coisa, no caso, o desligamento.

Ademais, quem comunica, comunica algo a/de alguém. Portanto, o RH comunicou (VTDI) o desligamento (complemento direto) do servidor (complemento indireto).

Note que há dois complementos, evidenciando o que foi dito lá no início acerca das peculiaridades e desafios da Língua Portuguesa.

E aí, o que você aprendeu hoje sobre verbo transitivo? Aproveita e confira também o que são complemento verbal e verbos irregulares Continue acompanhando os nossos conteúdos!

Fontes: Cola da Web, Conjugação, Toda Materia, Toda Materia

Imagens: Historia de tudo, Quero Bolsa, Beduka, Freepik, Educa Mais Brasil

Essa matéria Verbo transitivo – O que é, quais as regras e importância do estudo foi criada pelo site Conhecimento Científico.

Últimas