Hora 7 Essa é a mais estranha cena de canibalismo que você verá na vida

Essa é a mais estranha cena de canibalismo que você verá na vida

As carambolas-do-mar parecem sacolas flutuantes e às vezes não perdoam se verem um bicho parecido com elas

  • Hora 7 | Filipe Siqueira, do R7

Deu para entender?

Deu para entender?

Reprodução/Twitter/Vídeo/@Rainmaker1973

O canibalismo não é exatamente raro na natureza. A fêmea de louva-a-deus devora o macho vivo após o ato sexual. O mesmo pode ser dito das famosas aranhas viúva-negra. Em situações de pouca comida, fêmeas de cachorro podem devorar os próprios filhotes para reduzir a ninhada.

Mas as carambolas-do-mar (integrantes do filo Ctenophora, lembre das suas aulas da 6ª série) tornam o canibalismo um espetáculo visual tão estranho quanto hipnótico.

Assista abaixo o momento, que se assemlha a uma sacola absorvendo a outra:

De uma forma geral, eles se parecem com medusas, por causa do corpo formado por essa membrana gelatinosa e transparente.

E são predadores: comem pequenos crustáceos, larvas e seres microscópicos. Isso quando não resolvem comer um ser do mesmo filo.

O que talvez seja inveja, uma vez que apenas as espécies que vivem mais perto da superfície são transparentes. As que nadam em águas mais profundas têm cores vivas, geralmente rubras.

Algumas até possuem um sistema de dispersão de luz pelos pentes (esses cílios aí que elas usam pra se movimentar), causando um efeito arco-íris realmente belo.

LEIA ABAIXO: Uma breve história do canibalismo como prática medicinal na Europa

Últimas