Hora 7 Ex-general afirma existência de ETs e contato com 'Federação Galáctica'

Ex-general afirma existência de ETs e contato com 'Federação Galáctica'

Haim Eshed foi chefe de segurança espacial de Israel entre 1981 e 2011. Segundo ele, o segredo é mantido porque 'a humanidade não está pronta'

  • Hora 7 | David Plassa, do R7

Ex-chefe de segurança espacial de Israel, Haim Eshed, confirmou a existência de ETs

Ex-chefe de segurança espacial de Israel, Haim Eshed, confirmou a existência de ETs

Reprodução/CCBY/Institute for Air and Space Strategic Studies — 01/2008

ETs existem e tanto Israel quanto os EUA mantêm contato com esses seres há anos. Inclusive, por meio de um "Federação Galáctica". Tais afirmações não fazem parte do roteiro do próximo thriller de ficção científica a pintar nos cinemas, mas sim, de uma entrevista que Haim Eshed, professor e ex-chefe de segurança espacial de Israel, concendeu recentemente ao jornal Yediot Aharonot.

Aqui, não se trata de um simples conspiracionista online compartilhando teorias. O general aposentado de 87 anos serviu como diretor do programa de defesa espacial do país dele entre 1981 e 2011, período no qual foi agraciado três vezes com o Prêmio de Segurança de Israel. Dois deles, por "inovações tecnológicas" confidenciais.

Segundo Eshed, os segredos acima não vêm a público porque "a humanidade não está pronta". Inclusive, devido a acordos mantidos com os alienígenas...

ETs, EUA e Israel

O ex-general explica que EUA e Israel participam há anos da "Federação", por meio de projetos de pesquisa que visam compreender "a estrutura do universo". Uma cooperação tão profusa, que os norte-americanos inclusive mantém uma base secreta subterrânea em Marte, informa o professor.

O jornal The Jerusalem Post lembra que, caso as palavras de Eshed tenham algum fundamento, é possível traçar um paralelo entre essas informações e a criação da Força Espacial por Donald Trump.

Inclusive, durante a entrevista, o general aposentado também disse que Trump tem total ciência das atividades alienígenas e estava "prestes" a revelá-las. No entanto, a "Federação Galáctica" interviu, para evitar uma histeria em massa.

A motivação de Eshed

Questionado sobre a razão de ter tornardo essas informações públicas apenas agora, o ex-general explicou que o cenário acadêmico atual é outro: "Se tivesse dito o que estou dizendo hoje, cinco anos atrás, teria sido hospitalizado", especulou.

"Não tenho nada a perder. Recebi meus diplomas e prêmios; sou respeitado nas universidades do exterior, onde a tendência também tem mudado."

Veja também: Tsoukalos: 'Varginha é um dos maiores casos da ufologia moderna'

Recentemente, Eshed publicou o livro The Universe Beyond the Horizon – conversations with Professor Haim Eshed (O Universo Além do Horizonte – Conversas com o Professor Haim Eshed, em tradução livre). Na obra, ele dá maiores detalhes sobre os assuntos abordados na entrevista ao Yediot Aharonot, além de garantir que os alienígenas já evitaram desastres nucleares na Terra.

Novos monólitos surgem após grupo assumir a criação de um deles

Últimas