Estados Unidos

Hora 7 Galinha é presa ao se aproximar de posto de segurança do Pentágono

Galinha é presa ao se aproximar de posto de segurança do Pentágono

Aparição da ave na sede do Departamento de Defesa dos EUA permanece inexplicável. Felizmente, ela será enviada a santuário

  • Hora 7 | David Plassa, do R7

Resumindo a Notícia

  • Uma galinha foi detida ao entrar no perímetro de um posto de segurança do Pentágono.
  • O caso veio à tona por meio do Twitter de um abrigo, que levou a ave do local sob custódia.
  • Ela foi nomeada Henny Penny e será transferida em breve para um santuário.
  • Até o momento, a aparição do animal na área permanece um mistério inexplicável.
Galinha foi presa ao se aproximar de posto de segurança do Pentágono

Galinha foi presa ao se aproximar de posto de segurança do Pentágono

Montagem/R7, com Twitter/@AWLAArlington

A galinha acima foi detida ao entrar no perímetro de um posto de segurança do Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos EUA, em Washington. O caso veio à tona por meio do Twitter de um abrigo de animais da cidade, que levou a ave do local sob custódia.

"Aparentemente, a resposta para 'por que a galinha atravessou a estrada?' é [para] chegar ao Pentágono?!", brinca a postagem.

Em email enviado ao jornal Washington Post, um porta-voz da instituição explicou que, "por razões de segurança", a área específica onde a galinha esteve não pode ser revelada.

Vale o clique: Este leão branco de juba perfeita ainda é o mais 'gato' da savana

Mas acrescenta que a invasora é uma "atraente representante" da raça Rhode Island Red. A equipe do abrigo, inclusive, já escolheu um nome para a ave: Henny Penny.

Até o momento, a aparição da galinha em um dos locais mais vigiados dos EUA permanece um mistério aparentemente inexplicável.

Felizmente, a aventura permitiu um futuro promissor à ave. De acordo com o abrigo, ela será transferida em breve para um santuário de animais.

Já na Nova Zelândia, galinhas selvagens lutam para permanecer em um bairro. Entenda abaixo!

Últimas