Hora 7 Operário é banido de empresa após jogar saco com fezes de guindaste

Operário é banido de empresa após jogar saco com fezes de guindaste

Trabalhador da construção civil de Dublin, capital da Irlanda, ainda fez questão de filmar o ato extremamente degradante

  • Hora 7 | Do R7

Resumindo a Notícia

  • Um operário acabou demitido após jogar uma sacola com fezes humanas de um guindaste.
  • O ato degradante foi filmado por ele mesmo, em um canteiro de obras na Irlanda.
  • A sacola caiu sobre um telhado vizinho, antes que chegasse à rua e causasse maiores danos.
  • O homem também está proibido de trabalhar em qualquer outra obra da empresa em questão.
Operário foi banido de empresa após jogar saco com fezes de guindaste

Operário foi banido de empresa após jogar saco com fezes de guindaste

Montagem/R7, com TikTok/@viralclipsirl (via LADbible)

Um operário não identificado acabou banido da empresa para a qual prestava serviços depois de arremessar uma sacola com fezes humanas do guindaste onde trabalhava. O ato extremamente degradante foi filmado por ele mesmo, em um canteiro de obras de Dublin, capital da Irlanda.

Durante a gravação, o homem brinca sobre "as alegrias de ser um operador de guindaste", enquanto aponta a câmera para a "obra". Atenção: imagens fortes a seguir!

@thisisdublinoffical

MAN GETS FIRED P-45 AFTER FU*KING BAG OF SH*TE OUT OF A CRANE ONTO A HOUSE ROOF NASTY

♬ original sound - This is Dublin Offical

Felizmente — caso seja possível aplicar o termo à situação —, a sacola caiu sobre um telhado vizinho, antes que chegasse à rua e pudesse provocar uma bagunça ainda mais desagradável.

Em declaração ao site de notícias Dublin Live, um porta-voz da empresa de construção civil detalhou as medidas tomadas após o incidente ter vindo à tona.

"Assim que tomamos conhecimento, ele foi removido da obra e não trabalhará em nenhum outro de nossos locais no futuro", garantiu.

Vale o clique: Vale R$ 147 milhões: polícia investiga coleção com 1.000 animais raros empalhados

"Também realizamos uma verificação de segurança e trabalhos de higiene corretiva no prédio adjacente e solicitamos às empresas de mídia social envolvidas que removessem o conteúdo de suas plataformas", acrescentou.

A segunda parte do vídeo acima — que aparentemente não deveria estar disponível —, mostra uma suposta troca de mensagens do operário, na qual ele assume ter sido demitido após o incidente com a sacola.

Em postagem da notícia pelo Dublin Live no Twitter, a situação escatológica chocou os internautas. "Acho que já tive internet suficiente por hoje", escreveu um dos comentaristas online. "Por que ele achou que jogar e publicar nas redes sociais era uma boa ideia?", questionou um segundo.

Já a lutadora profissional a seguir conseguiu vender a foto do próprio cocô por R$ 18. Confira!

Últimas