Hora 7 Pescador flagra inseto aquático parrudo e com picada potente

Pescador flagra inseto aquático parrudo e com picada potente

Barata-d'água com aproximadamente 10 cm de comprimento foi registrada pelo homem enquanto repousava sobre o barco dele

  • Hora 7 | David Plassa, do R7

Resumindo a Notícia

  • Um pescador filmou um inseto aquático parrudo, em um lago de Enderby, no Canadá.
  • Chocado com a aparência e o tamanho do bicho, ele compartilhou o registros nas redes.
  • Nos comentários, foi informado de que tratava-se de uma barata-d'água ou pica-dedo.
  • Justamente por ter uma das picadas mais dolorosas do mundo dos insetos.
Inseto aquático parrudo foi flagrado sobre barco de pescador em Enderby, no Canadá

Inseto aquático parrudo foi flagrado sobre barco de pescador em Enderby, no Canadá

Montagem/R7, com YouTube/Pen News

Um inseto aquático parrudo surpreendeu um pescador, que se aventurava em um lago de Enderby, no Canadá. Bobby Sprovieri, 39, não foi impactado apenas pelo aspecto quase alienígena do bicho. Mas também, por ter sido informado de que a picada dele pode causar uma dor excruciante à vítima.

Segundo o tabloide Daily Star, Sprovieri decidiu filmar a criatura assim que a notou agarrada ao barco de pesca:

"Vê-la pela primeira vez, realmente me desconcertou", disse o rapaz à publicação. "Não tinha ideia do que era."

Em busca de identificar o inseto, que tinha aproximadamente 10 cm de comprimento, Sprovieri compartilhou a gravação nas redes. A ideia era que internautas o ajudassem na identificação.

No entanto, além de informado, ele acabou amedrontado diante dos comentários recebidos: "Recebi respostas assustadoras de pessoas que nadam e participam de atividades no lago", explicou, "e algumas sabiam exatamente o que era."

Vale o clique: A história de Osama, o crocodilo que matou 83 pessoas até ser pego

Tratava-se de um grande percevejo aquático, também conhecido como barata-d'água, escorpião-d'água e o mais temido dos apelidos: pica-dedo.

Para você ter uma ideia, o Daily Star cita um estudo publicado na revista Wilderness & Environmental Medicine, no qual pesquisadores classificam a picada desse percevejo gigante como "uma das mais dolorosas que podem ser infligidas por um inseto".

Isso porque o animal secreta uma potente toxina junto à saliva, que pode deteriorar o tecido afetado. Os efeitos são acompanhados de dor intensa e chega a durar até 5h após inoculado.

Leia mais! Plano bizarro quer usar material radioativo para salvar rinocerontes

Na dúvida, é só não mexer com o bicho. 

Já uma libélula com aspecto mutante foi flagrada lutando pela vida em flagrante bizarro. Entenda abaixo!

Últimas