Hora 7 Rapaz toma 'suco de bactéria' como cobaia e contrai disenteria brutal

Rapaz toma 'suco de bactéria' como cobaia e contrai disenteria brutal

Jake Eberts recebeu o equivalente a R$ 35 mil para participar de estudo que busca desenvolver vacina contra esta doença

Resumindo a Notícia

  • Um rapaz participou como cobaia de um estudo da Universidade de Mayland, nos EUA.
  • Para isso, teve que virar um copo de 'suco de bactéria' e ficar em quarentena em um hospital.
  • A pesquisa tenta desenvolver uma vacina contra a disenteria.
  • Os detalhes sórdidos da experiência acabaram detalhados pelo jovem no Twitter.
Jake Eberts tomou 'suco de bactéria' como cobaia de estudo e contraiu disenteria brutal

Jake Eberts tomou 'suco de bactéria' como cobaia de estudo e contraiu disenteria brutal

Montagem/R7, com Twitter/@wokeglobaltimes

O rapaz acima entornou um copo de "suco de bactéria" ao participar como cobaia de um estudo da Universidade de Mayland, nos EUA, que tenta desenvolver uma vacina contra a disenteria. Cada etapa da jornada vivida por Jake Eberts, 26, foi compartilhada por ele no Twitter. E já adiantamos: nem os momentos mais nojentos ficaram de fora do testemunho.

No entanto, o sofrimento do jovem não foi de graça. Jake recebeu o equivalente a R$ 35 mil para mandar goela abaixo a mistura formada por bactérias do gênero Shigella, responsáveis pela doença intestinal.

O rapaz ficou de quarentena em um hospital, onde no terceiro dia, despertou com "algo engraçado" na barriga. Não só engraçado, mas também urgente, já que o fez correr para o banheiro.

Bombou no HORA 7! Fotógrafo não abaixa a câmera e é socado por gorila: 'Atropelado por um trem'

Acontece que Jake não podia simplesmente deixar as coisas fluírem naturalmente. Ele usava um penico e, ao terminar o serviço, as fezes eram transferidas para um saco de risco biológico, a fim de que os especilaistas as analisassem.

Isso em meio a cólicas estomacais, evacuações com sangue, febre de quase 40ºC e uma exaustão nunca antes sentida. Ir ao banheiro, por exemplo, foi descrito por ele como "um esforço de Hércules".

Vale o clique: Modelo com 'maiores bochechas do mundo' choca os fãs com rosto ainda maior

"Foi a doença mais brutal que eu tive", revelou, "não consigo imaginar o quão aterrorizante é para as crinaças pequenas." Para tratar a disenteria, o jovem recebeu fluídos contra a desidratação e antibióticos. Quatro dias após os sintomas mais pesados, ele estava recuperado.

Segundo o veículo The Insider, a pesquisa contou no total com 16 participantes. Metade deles recebeu placebo, enquanto na outra foi aplicado a dose do imunizante. Jake acredita estar no primeiro grupo: "Se recebi a vacina, isso é uma má notícia para a vacina", pontuou.

Por falar em bactéria, o testículo do homem a seguir explodiu após ele contrair uma salmonela na África. Confira!

Últimas