Hora 7 Vândalo descalço é suspeito de detonar pneus de 32 carros

Vândalo descalço é suspeito de detonar pneus de 32 carros

Crimes ocorreram em pátio de veículos de luxo e estacionamento de Tamworth, na Austrália. Prejuízo é avaliado em R$ 228 mil

  • Hora 7 | David Plassa, do R7

Resumindo a Notícia

  • Um vândalo descalço é suspeito de detonar pneus de 32 carros em Tamworth, na Austrália.
  • Os ataques ocorreram em dois períodos no último final de semana, em aproximadamente 24h.
  • A primeira onda foi registrada contra 15 veículos em um estacionamento.
  • Já a segunda danificou 17 carros de luxo em um pátio; o prejuízo total é de R$ 228 mil.
Vândalo descalço é suspeito de detonar pneus de 32 carros em Tamworth, na Austrália

Vândalo descalço é suspeito de detonar pneus de 32 carros em Tamworth, na Austrália

Reprodução/Facebook/NSW Police Force

Um vândalo sem calçados e noção é suspeito de detonar os pneus de 32 carros em Tamworth, na Austrália. A onda de crimes foi registrada em um período de aproximadamente 24h, no último final de semana.

Entre às 23h de sábado (25) e às 9h30 da manhã de domingo (26), a polícia local foi notificada de que os pneus de 15 veículos em um estacionamento foram perfurados com um objeto pontiagudo.

Horas depois, pouco antes da meia-noite, um homem invadiu um pátio de carros de luxo para danificá-los da mesma forma. Ao todo, o ato de vandalismo gerou um prejuízo equivalente a mais de R$ 228 mil aos proprietários.

Vale o clique: Promotor de justiça é preso após andar nu e alcoolizado por cidade

Em comunicado no Facebook, a polícia de Nova Gales do Sul (NSW Police Force) informou que investigadores acreditam na conexão entre os dois incidentes.

A postagem também veiculou uma imagem do suspeito (acima) dos atos de vandalismo e pede que qualquer informação sobre ele seja levada às autoridades.

"Ele não está usando calçados", acrescenta trecho do texto, que descreve as características do perfurador de pneus.

Por falar em carrão danificado, o proprietário e idealizador do 'LamborgUno' admitiu um erro de engenharia após avaria. Entenda abaixo!

Últimas