Novo Coronavírus

Internacional Agência europeia libera vacina da Pfizer para adolescentes

Agência europeia libera vacina da Pfizer para adolescentes

Nenhum caso raro de evento adverso foi constatado e efeitos mais comuns foram dor, cansaço, dor de cabeça e febre

  • Internacional | Da Ansa

Agência europeia libera vacina da Pfizer para adolescentes

Agência europeia libera vacina da Pfizer para adolescentes

Dado Ruvic/Illustration/Reuters - 21.05.2021

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) autorizou o uso da vacina anti-covid da Pfizer/BioNTech para adolescentes que tenham entre 12 e 15 anos, assim como ocorre nos Estados Unidos.

A Cominarty é a primeira vacina autorizada no bloco europeu para pessoas com menos de 16 anos e a decisão foi tomada com base nos testes apresentados pela farmacêutica. Também os demais imunizantes, como a Moderna e a Oxford/AstraZeneca, tem estudos do tipo em andamento.

"O uso da Cominarty em crianças de 12 a 15 anos será o mesmo que para as pessoas com mais de 16 anos. Serão dadas duas injeções nos músculos da parte superior do braço, com uma distância de três semanas", diz a nota.

A EMA ainda explicou que os dados analisados foram de um estudo com cerca de dois mil adolescentes, em que metade deles receberam placebo e metade a vacina em si. Dos 1.005 que receberam a Cominarty, nenhum teve sintomas da covid-19. No grupo de controle, com 978 pessoas, foram 16 casos confirmados.

"Isso significa, nesse estudo, que a vacina tem 100% de eficácia na prevenção da Covid-19 (mesmo que a taxa real possa variar entre 75% e 100%)", afirma ainda o comunicado.

Nenhum caso raro de evento adverso (miocardite ou pericardite) foi constatado no grupo de estudo, sendo que os efeitos colaterais mais comuns foram dor no local de aplicação, cansaço, dor de cabeça, dores musculares e febre.

Últimas