Alemanha investigará origem de surto de covid-19 em matadouro

Dependendo dos resultados do relatório, não está descartado que sejam necessárias mais medidas do que as foram tomadas até agora

Mais de um matadouro virou foco de surtos de covid-19 na Alemanha

Mais de um matadouro virou foco de surtos de covid-19 na Alemanha

Friedemann Voegel / EFE-EPA - 19.6.2020

O governo regional do estado federado da Renânia do Norte-Vestfália, no oeste da Alemanha, encomendará uma investigação para determinar como surgiu um surto de covid-19 em um matadouro na cidade de Gutersloh, que até o momento deixou 750 infectados.

Leia também: Novo surto na Alemanha põe em quarentena edifício residencial 

"O Ministério encomendará um relatório científico que deve ir ao fundo do surto do ponto de vista epidemiológico", disse o ministro da Saúde da Renânia do Norte-Vestfália, Karl-Josef Laumann.

"Temos que esclarecer como surtos de coronavírus surgem na indústria de carne", acrescentou.

Dependendo dos resultados do relatório, não está descartado que sejam necessárias mais medidas do que as foram tomadas até agora, disse Laumann.

O matadouro está fechado e, até o momento, foram realizados 11.006 testes de coronavírus. Nos próximos dias, outros 5,3 mil trabalhadores terão que passar pelos testes.

Gutersloh não é o primeiro caso de um surto em um matadouro.

A equipe de muitos grandes matadouros é composta em grande parte por trabalhadores subcontratados de outros países e que frequentemente vivem em grandes casernas e em condições de higiene que estão longe do ideal.

A situação em Gutersloh levou ao fechamento de escolas e creches, gerando críticas da população contra o proprietário do matadouro, Clemens Tönnies.

Desde o início da pandemia, foram registrados 190.265 casos e 9.043 mortes por covid-19 na Alemanha.