Após abandonar pré-candidatura, Sanders anuncia apoio a Joe Biden

Senador que era o segundo colocado nas primárias democratas e abandonou a campanha na última semana anuncia apoio ao ex-vice-presidente

Sanders (d) anunciou apoio a Biden (e) na eleição norte-americana

Sanders (d) anunciou apoio a Biden (e) na eleição norte-americana

Kevin Lamarque/Reuters - 15.3.2020

O senador democrata Bernie Sanders, que na semana passada abandonou sua pré-candidatura à presidência, anunciou por meio das redes sociais, nesta segunda-feira (13), que irá apoiar a candidatura do ex-vice-presidente Joe Biden na eleição presidencial dos EUA, que acontece em novembro deste ano.

"Vivemos um momento sem precedentes. Nem em um milhão de anos nunca pensamos que só poderíamos falar de nossas casas, sem fazer comícios ou eventos. Mas é hora de nos unirmos para derrotar o presidente mais perigoso da história recente do nosso país", disse Sanders em uma teleconferência com Biden.

Cooperação entre adversários

Sanders afirmou que membros de seu comitê de campanha vão trabalhar com o comitê de Biden para garantir que algumas de suas propostas, como um sistema público de saúde e uma reforma do sistema judicial sejam incluídas na campanha.

"Não é segredo que nós temos nossas diferenças, mas espero que essas forças-tarefas conjuntas possam chegar a pontos satisfatórios para nossas propostas", disse Sanders durante a conferência.

Com isso, Biden deve ser ratificado como candidato democrata na eleição em agosto, quando o comitê nacional do partido tem sua convenção marcada. Ele será o adversário do presidente Donald Trump na eleição de 20 de novembro.