Coronavírus

Internacional Após multa, triplica nº de vacinados com mais de 50 anos na Itália

Após multa, triplica nº de vacinados com mais de 50 anos na Itália

Decreto de lei para conter o avanço da Covid-19 estabelece a cobrança de até R$ 9.600 aos não imunizados com a faixa etária

  • Internacional | Do R7, com Ansa

Itália tornou obrigatória vacinação para pessoas com mais de 50 anos

Itália tornou obrigatória vacinação para pessoas com mais de 50 anos

Cesare Abbate/EFE/EPA - 08.01.2022

O comissário especial para a gestão da pandemia de Covid-19, Francesco Figliuolo, informou neste sábado (8) que triplicaram as primeiras doses de vacina dos que têm mais de 50 anos.

Segundo Figliuolo, "foram administradas 65 mil primeiras doses de vacinas, um valor 60% superior em relação à média diária na semana anterior" na sexta-feira. 

Itália vacinou 65 mil com a 1ª dose na sexta-feira

Itália vacinou 65 mil com a 1ª dose na sexta-feira

Cesare Abbate/EFE/EPA - 08.01.2022

Já na faixa etária dos mais de 50 anos, a que passará a ter vacinação obrigatória por meio do novo decreto, o dado mostra 15.239, o triplo do que foi registrado nos sete dias precedentes, que era de 5.500 por dia.

Conforme a nova determinação tomada para conter disseminação da variante Ômicron, quem não respeitar a medida sofrerá uma multa administrativa que varia de R$ 3.840 (600 euros) a R$ 9.600 (1.500 euros).

Últimas