Coronavírus

Internacional Argentina inicia distribuição da 2ª dose da vacina Sputnik V

Argentina inicia distribuição da 2ª dose da vacina Sputnik V

Campanha de imunização no país foi iniciada em 29 de dezembro e mais de 200 mil doses já foram aplicadas

argentina sputnik

argentina sputnik

EFE/Presidencia de Argentina

O governo da Argentina iniciou nesta segunda-feira (18) a distribuição para todo o território das 300 mil doses da segunda dose da vacina Sputnik V, que chegaram no país, provenientes da Rússia, dois dias atrás.

De acordo com a secretária de Acesso à Saúde, Carla Vizzotti, o envio do agente imunizante começou ainda à meia-noite e deve seguir acontecendo até o fim do dia.

"Amanhã pela manhã, já será iniciada a vacinação com a segunda dose em todo o país", explicou a integrante do governo.

Na Argentina, a campanha de imunização foi iniciada em 29 de dezembro, com a vacina produzida pelo Centro Gamaleya e pelo Fundo Russo de Investimentos Diretos.

Até a última sexta-feira, já tinham sido aplicadas 200.759 das 300 mil doses da Sputnik V que foram recebidas em 24 de dezembro.

Os primeiros a receberem a vacina foram funcionários do setor de saúde, especialmente, de unidades de terapia intensiva de hospitais.

A segunda dose da vacina produzida na Rússia é complementar e deve ser aplicada 21 dias depois da primeira.

Juan Pablo Saulle, coordenador da área de Logística da Secretaria de Acesso à Saúde, explicou que o grande desafio para a distribuição é lidar com a temperatura de conservação do produto, que é de 18 graus negativos.

"Desde a chegada da vacina, no sábado, estamos entregando entra hoje e amanhã a todo país, a cada uma das províncias, de forma igualitária, para poder completar a campanha de vacinação da segunda dose", explicou.

A Argentina também já aprovou as vacinas produzidas pelas companhias Pfizer e AstraZeneca, mas só comprou até o momento a Sputnik V e se comprometeu com uma parcela do mecanismo Covax, da Organização Mundial de Saúde (OMS).

No país, enquanto a imunização avança, o total de casos de infecção chegou a 1.799.243 contágios, enquanto o número de mortes até hoje é de 45.407.

Últimas