Coronavírus

Internacional Argentina receberá 1º lote de vacinas da AstraZeneca nesta 4ª

Argentina receberá 1º lote de vacinas da AstraZeneca nesta 4ª

País terá 580 mil doses do imunizante para reforçar sua campanha de vacinação, que já vem usando a Sputnik V desde dezembro

  • Internacional | Do R7

Argentina receberá primeiro lote do imunizante, produzido na Índia

Argentina receberá primeiro lote do imunizante, produzido na Índia

Narendra Shestha / EFE - EPA - 16.2.2021

A Argentina receberá na madrugada desta quarta-feira (17) o primeiro lote da Covishield, a vacina da AstraZeneca e da Universidade de Oxford contra a covid-19, como foi confirmado por fontes diplomáticas, que disseram que o carregamento sairia da Índia nesta terça-feira (16).

Leia também: Escândalo da vacina no Peru: Ex-presidente é acusado de 3 crimes

"As vacinas de fabricação indiana estão a caminho da Argentina. Espera-se que chegue a Buenos Aires nas primeiras horas do dia 17 de fevereiro", escreveu no Twitter o embaixador do país asiático na Argentina, Dinesh Bhatia.

Segundo a imprensa do país vizinho, essa primeira remessa inclui um total de 580 mil doses do imunizante. A remessa chega apenas uma semana após o Ministério da Saúde argentino ter autorizado o uso emergencial da Covishield.

A Argentina iniciou em 29 de dezembro seu plano de imunização voluntária contra a Covid-19 com a vacina russa Sputnik V, da qual já recebeu quatro remessas, a mais recente delas na última sexta.

Até hoje, o país tem 1.220.000 doses da Sputnik V, contando as já aplicadas, de acordo com o Ministério da Saúde. O governo espera terminar em breve ter imunizado todos os funcionários da área da saúde e iniciar a proteção das pessoas com pelo menos 70 anos de idade.

Últimas