Internacional Argentina ultrapassa marca de 11 mil mortes por covid-19

Argentina ultrapassa marca de 11 mil mortes por covid-19

País chegou a 11.148 óbitos em decorrência da doença nesta sexta-feira (11); total de casos é de 535.705 desde o início da pandemia

  • Internacional | Da EFE

Nas últimas 24 horas, foram registrados mais 11.507 casos

Nas últimas 24 horas, foram registrados mais 11.507 casos

Juan Ignacio Roncoroni / EFE - 31.3.2020

Após registrar mais 241 mortes por covid-19 nesta sexta-feira (11), a Argentina chegou a 11.148 óbitos em decorrência da doença desde o início da pandemia. O país totaliza 535.705 casos de infecção pelo novo coronavírus, dos quais 11.507 foram reportados nas últimas 24 horas.

De acordo com o relatório diário noturno do Ministério da Saúde, até a hora de divulgação do relatório desta sexta-feira, havia 3.093 pacientes em leitos de terapia intensiva, com uma ocupação de leitos de 61,7% no país e de 68,5% na região metropolitana de Buenos Aires (Amba).

Só capital argentina registrou nesta sexta-feira 1.125 novos contágios e 59 mortes. Em outras cidades da província de Buenos Aires foram notificados mais 5.732 infecções e 127 óbitos. Já em Santa Fé, foram registrados mais 903 casos e dez mortes, o mesmo número de óbitos da vizinha Entre Ríos.

Foram registradas novas mortes em 15 das 24 jurisdições argentinas e novos contágios em 23 delas. A excessão, mais uma vez, foi Misiones.

Por outro lado, ainda segundo o Ministério da Saúde, o país vizinho superou nesta sexta a barreira das 400 mil pessoas curadas, chegando a 400.121, o que equivale a 74,69% do total de contaminados.

Últimas