Internacional Atirador de escola do Texas fez ameaças pelas redes sociais

Atirador de escola do Texas fez ameaças pelas redes sociais

Salvador Ramos postou diversas vezes no dia do massacre pela plataforma 'Yubo', dizendo que iria atirar em uma escola

Agência EFE
Massacre ocorreu na terça-feira (28) em uma escola primária nos Estados Unidos

Massacre ocorreu na terça-feira (28) em uma escola primária nos Estados Unidos

Correio do Povo - Cidades

O atirador Salvador Ramos, de 18 anos, que matou 19 crianças e duas professoras em uma escola primária na cidade de Uvalde, no Texas (EUA) no dia 24 de maio, fez diversas postagens, por meio de vídeos na rede social da plataforma 'Yubo', com ameaças de realizar disparos com armas de fogo e violência contra meninas, segundo informações divulgadas pela imprensa americana, neste sábado (28).

Ainda de acordo com a imprensa local, foram publicadas dezenas de testemunhos dos usuários da rede social, que descreveram o autor do massacre como agressivo e ameaçador, especialmente contra as mulheres. Todos os depoimentos são de adolescentes que usam a plataforma.

Os jovens ainda relataram que alguns dos usuários cadastrados no aplicativo se referiam a Ramos, em tom de piada, como 'o atirador de escolas do Yubo', pela postura sombria e comentários violentos. No entanto, os usuários decidiram não fazer qualquer denúncia, por considerar que as palavras dele não se diferenciavam das de outros cadastrados e por acharem que não se tornariam realidade.

Apesar de alguns alertas terem sido feitos à plataforma sobre as ameaças de Ramos, a conta do jovem permaneceu ativa. A plataforma tem cerca de 60 milhões de usuários em todo o mundo, que são, em sua grande maioria, jovens com menos de 25 anos, parte deles, adolescentes.

Na última terça-feira (28), dia em que abriu fogo na escola, Ramos enviou uma mensagem privada para um dos contatos no Facebook, em que avisava que iria atirar na avó. Mais tarde, o jovem mandou outra mensagem, em que explicava o que tinha feito; em seguida, um terceiro aviso, em que anunciava que atiraria em uma escola. Todas as comunicações foram feitas em menos de meia hora.

Últimas