Internacional Autor de atentados na Maratona de Boston é condenado à morte

Autor de atentados na Maratona de Boston é condenado à morte

Dzhokhar Tsarnaev deverá ser executado por injeção letal

  • Internacional | Do R7, com agências internacionais

Dzhokhar Tsarnaev foi condenado à morte por injeção letal

Dzhokhar Tsarnaev foi condenado à morte por injeção letal

REUTERS/FBI/Handout

Um júri norte-americano condenou à morte nesta sexta-feira (15) Dzhokhar Tsarnaev, um dos responsáveis pelos atentados a bomba na maratona de Boston de 2013, que deixou três mortos e 264 feridos. A sentença foi lida na Corte Federal da capital de Massachusetts na presença do réu.

O júri federal demorou 15 horas para chegar a uma decisão e escolheu a morte por injeção letal para Dzhokhar, de 21 anos. A outra opção era prisão perpétua sem possibilidade de libertação.

O atentado, feito com duas panelas de pressão cheias de explosivos na linha de chegada da movimentada maratona de Boston no dia 15 de abril de 2013.

Dzhokhar colocou um dos explosivos junto com seu irmão mais velho, Tamerlan Tsarnaev, que posicionou a outra bomba.

Lições de vida: conheça o emocionante depoimento dos sobreviventes do atentado na Maratona de Boston

Revista publica novas fotos da ação policial que prendeu suspeito pelo atentado em Boston

Tamerlan morreu poucos dias depois durante uma espetacular perseguição que começou com a morte do policial do Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT), Sean Collier.

Dzhokhar, o único acusado de realizar os atentados, foi considerado culpado de todas as acusações, 17 delas eram passíves de pena de morte.

Apesar de no Estado de Massachusetts não existir a pena de morte, como este foi um julgamento federal o governo pôde acusar e executar o condenado.

Últimas