Berlim reabrirá museus em 4 de maio, 2 meses após fechamento

Novas regras obrigam uso de máscaras no transporte público; bibliotecas poderão abrir e eventos públicos e religiosos terão de 50 pessoas presentes

Berlim poderá reabrir museus depois de 2 meses

Berlim poderá reabrir museus depois de 2 meses

Christian Mang/Reuters - 17.4.2020

Os museus de Berlim poderão reabrir suas portas no dia 4 de maio, após dois meses de fechamento forçado devido à pandemia do novo coronavírus, segundo anúncio feito nesta terça-feira (21) pelo Executivo da cidade-estado.

O parlamento de Berlim também aprovou a obrigação do uso de máscaras no transporte público a partir da próxima segunda-feira (27). O uso do artigo de proteção também é recomendado no comércio, mas, nesse caso, não haverá punição se houver descumprimento.

Além dos museus, as bibliotecas também poderão ser reabertas no dia 4, sob certas condições de segurança. Eventos ao ar livre e celebrações religiosas também poderão acontecer a partir dessa data, mas com limite de 50 pessoas presentes.

Quanto às lojas de varejo, será permitida a abertura com o aproveitamento de, no máximo, 800 metros quadrados do espaço e com lotação máxima de um cliente a cada 20 metros quadrados.

Os grandes eventos públicos, com mais de 5.000 participantes, continuarão sendo proibidos até 24 de outubro, o que inviabiliza a realização da famosa Maratona de Berlim.

O prefeito-governador Michael Müller declarou em entrevista coletiva durante a apresentação das medidas que a cidade pode entrar nessa primeira fase de relaxamento das restrições porque a infecção está sob controle.

No entanto, ele destacou que o progresso é "frágil" e que não será possível falar sobre o fim do alerta geral em menos de oito ou dez semanas. Além disso, afirmou ser essencial manter as regras do distanciamento social.

Berlim conta com 170 museus públicos e privados. A chamada Ilha dos Museus, patrimônio cultural mundial, é uma de suas principais atrações turísticas e no ano passado recebeu mais de 3 milhões de visitas.

Na Alemanha, de acordo com dados oficiais, até esta terça-feira houve um total de 143.457 casos de coronavírus, com 4.598 mortes por Covid-19.