China

Internacional Biden diz que 'considera' boicotar Jogos de Inverno de Pequim

Biden diz que 'considera' boicotar Jogos de Inverno de Pequim

Presidente dos EUA pensa em retirar o país da Olimpíada de Inverno na China por conta da questão humanitária em Xinjiang

  • Internacional | Do R7

Presidente dos EUA foi aconselhado a fazer um boicote diplomático contra a competição

Presidente dos EUA foi aconselhado a fazer um boicote diplomático contra a competição

Mandel Ngan/AFP - 18.11.2021

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta quinta-feira (18) que está "considerando" um boicote diplomático à Olimpíada de Inverno em Pequim. 

Isso é "algo que estamos considerando", declarou Biden à imprensa durante uma reunião com o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

Os Jogos de Inverno na capital da China serão realizados em fevereiro próximo.

Vários legisladores republicanos pedem que Joe Biden anuncie um boicote total, para denunciar a repressão aos muçulmanos uigures na região chinesa de Xinjiang, descrita como "genocídio" pelo governo dos Estados Unidos.

Muitos legisladores americanos, tanto democratas como republicanos, incluindo a presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi, e o senador republicano Mitt Romney, defendem esse boicote diplomático.

A China protestou vigorosamente quando Nancy Pelosi defendeu essa medida em maio.

O jornal Washington Post informou na terça-feira, citando fontes próximas ao tema, que a Casa Branca deve anunciar em breve essa decisão.

O jornal afirma que o presidente Biden deve "aprovar" essa medida, que lhe foi formalmente recomendada por seus assessores, no fim de novembro. 

Últimas