Coreia do Norte
Internacional Bomba H da Coreia é mil vezes  mais forte que artefato atômico comum

Bomba H da Coreia é mil vezes  mais forte que artefato atômico comum

Pesquisas de bombas atômicas no mundo completam 78 anos

Bomba H da Coreia é mil vezes  mais forte que artefato atômico comum

O governo Coreano confirmou testes com a bomba H

O governo Coreano confirmou testes com a bomba H

KCNA/Reuters

A bomba de hidrogênio, também chamada de bomba H, tem um poder de destruição mil vezes maior que os artefatos atômicos comuns. É este o tipo de armamento testado pela Coreia do Norte e que deixou o mundo todo em alerta na madrugada deste domingo (3).

As primeiras pesquisas nucleares para o desenvolvimento de bombas atômicas começaram em 1939, no EUA, há 78 anos.

Treze anos depois, em 1952, no ínicio dos anos 50, aconteceu o primeiro teste com a bomba de hidrogênio, também pelos americanos, no arquipélogo das ilhas Marshall, um ano depois, os russos também fizeram testes com a bomba de hidrogênio.

Foi o sexto teste do governo norte-coreano com bomba H e o maior deles até o momento, o impacto dectado pelos países vizinhos foi dez vezes maior que o anterior. O governo norte-coreano admite que fez testes com bombas atômicas em 2006, 2009 e 2013. O teste de ontem, segundo os Coreanos, foi para um míssel intercontinental capaz de atingir cidades nos EUA.

O poder da bomba dos norte-coreanos supera, em tecnologia e poder de destruição, as duas bombas atômicas que os americanos jogaram no Japão em agosto de 1945. A de Hiroshima, em 6 de agosto, era com núcleo de urânio-235 (cerca de dez quilos); e a de Nagasaki, em 10 de agosto, era de plutônio-239 (cerca de 6,5 quilos).

Em Hiroshima, a bomba provocou a morte de cerca de 220 mil pessoas. Em Nagasaki, a estimativa foi de 74 mil mortes e cerca de 80 mil feridos. 

O efeito da reação de fusão de uma bomba de hidrogênio gera uma onda de calor avassaladora de dezenas a centenas de milhões de graus, o equivalente as reações que acontecem no Sol.

O poder de destruição de uma bomba de hidrogênio é medido em megatons (Mton), enquanto, o da bomba atômica é medido em kilotons (kton). Por exemplo, um kton equivale a 1.000 toneladas de dinamite. Já um  Mton equivale a 1.000.000 toneladas de dinamite.

Uma bomba H pode destruir não apenas pelo calor gerado ao redor do centro da explosão, mas também por radiações e ondas eletromagnéticas e de choque geradas pela explosão. A destruição não se limita a bens materiais, mas também a seres vivos diversos, podendo até mesmo extinguir toda uma espécie animal ou vegetal. Os seus danos podem perdurar por anos, até mesmo décadas.

    Access log