Internacional Bombardeio russo do centro de Kharkiv deixa ao menos 10 mortos 

Bombardeio russo do centro de Kharkiv deixa ao menos 10 mortos 

Serviço de emergência ucraniano informou que mais de 20 pessoas ficaram feridas após o ataque

AFP
Homens ficam do lado de fora da prefeitura de Kharkiv, destruída após bombardeio russo

Homens ficam do lado de fora da prefeitura de Kharkiv, destruída após bombardeio russo

Sergey Bobok/AFP - 01.03.2022

Equipes de resgate ucranianas relataram afirmaram que pelo menos 10 pessoas morreram devido aos bombardeios russos nesta terça-feira (1º), no centro da cidade de Kharkiv, a segunda maior da Ucrânia, localizada perto da fronteira russa.

"Pelo menos 10 pessoas morreram, mais de 20 ficaram feridas. Equipes de resgate e voluntários resgataram 10 pessoas dos escombros, de acordo com uma contagem preliminar", disse o serviço de emergência ucraniano.

As equipes de emergência divulgaram imagens dos socorristas retirando vítimas dos escombros da sede do governo local, bombardeada durante a manhã.

A praça central estava repleta de escombros provocados pelo bombardeio, que quebrou todos os vidros das janelas do prédio. Um carro queimado estava diante do edifício.

O presidente ucraniano, Volodmir Zelenski, denunciou o bombardeio como um "crime de guerra", enquanto a Rússia nega qualquer ataque contra alvos que não sejam militares.

Kharkiv é uma cidade de 1,4 milhão de habitantes, com uma grande população de língua russa, próxima da fronteira.

A cidade está cercada desde que o presidente russo, Vladimir Putin, ordenou a invasão contra a Ucrânia na quinta-feira passada.

Últimas